Sucesso de Lil Nas X, 'Old Town Road' impulsiona furto de placas de rua nos EUA

Mais ou menos quando a canção começou a viralizar, as placas de rua começaram a ser arrancadas

Jacey Fortin
Wellesley (EUA) | The New York Times

Old Town Road é um lugar real. Se você quiser alugar uma casa por lá, provavelmente conseguiria —exceto que hoje em dia se tornou mais difícil encontrar a rua.

Uma área residencial tranquila em Wellesley, estado de Massachusetts, a rua se chamava Old Town Road muito antes que a canção country-trap de Lil Nas X se tornasse sensação. “Old Town Road”, a música, não é só popular —vem derrubando recorde atrás de recorde. Nos 61 anos de existência da parada de sucessos da Billboard, a canção é o sucesso que ocupa o primeiro posto há mais tempo.

E em Wellesley, no segundo trimestre, mais ou menos quando a canção começou a fazer sucesso, as placas de rua nas pontas da Old Town Road começaram a ser arrancadas.

É um delito de furto, e nada fácil de cometer. As placas estavam posicionadas em postes de 3,6 metros de altura, ancorados embaixo da calçada. Os postes metálicos parecem ter sido arrancados ou cortados com uma serra.

“É preciso ser muito determinado para roubar essa placa”, diz Stephanie Hawkinson, porta-voz do governo municipal.

Depois que cada uma das placas foi roubada três vezes —um total de seis placas da Old Town Road cujo paradeiro continua desconhecido—, a prefeitura decidiu que não as substituiria. O processo custa caro: cada par de placas novas custa US$ 250 (R$ 1.000) ou mais, e isso não inclui o custo de mão de obra.

Hawkinson afirma que placas de rua são roubadas em Wellesley de tempos em tempos, mais frequentemente no verão. Mas os ladrões de Old Town Road vêm sendo especialmente persistentes. “Isso nos apanhou de surpresa”, diz.

A Old Town Road de Wellesley não é a única rua com esse nome nos Estados Unidos. Há muitas, de Nova York ao Texas e Louisiana. Há até em Villa Rica, Georgia, não muito longe de onde Lil Nas X cresceu. O prefeito de Villa Rica disse que, até onde sabe, não houve roubo de placas de rua lá.

Um representante de Lil Nas X não respondeu a um pedido de comentário sobre os vândalos de Massachusetts.

Hawkinson apontou que os furtos representam um problema de segurança pública, porque placas de rua podem ajudar equipes de emergência a achar caminho na cidade.

Ela acrescentou que Wellesley adquire suas placas da Atlantic Broom Service, uma empresa de Brockton, Massachusetts, que fabrica produtos para manutenção de vias, e que os interessados podem comprar uma placa da Old Town Road diretamente da empresa, em lugar de roubá-la do município. Embora 
não seja grátis, pelo menos não requer o uso de uma serra.

Dalia Whelton, que responde pela loja de placas de rua da Atlantic Broom Service, concorda. “Venham comprar conosco”, diz. “Pobre cidade!”

Segundo ela, uma placa de rua personalizada produzida por sua empresa sai por cerca de US$ 85 mais frete.

“As pessoas deviam pensar duas vezes”, disse Whelton sobre os ladrões. “O motivo para que haja placas de rua é ajudar os serviços de emergência a chegar ao lugar certo.”

Hawkinson diz que Wellesley esperaria até a popularidade da canção diminuir. Ela sabe que a espera pode ser longa.

“Estamos de olho na popularidade da canção, que continua em primeiro lugar”, diz. “Por isso, vamos esperar o máximo que pudermos, para garantir que não precisemos substituir as placas de novo”.

Tradução de Paulo Migliacci

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.