Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
05/12/2007 - 14h33

Conselho de Ética livra Renan de dois processos de uma vez; oposição reage

Publicidade

GABRIELA GUERREIRO
da Folha Online, em Brasília

O presidente do Conselho de Ética do Senado, Leomar Quintanilha (PMDB-TO), decidiu arquivar os quarto e quinto processos aberto contra Renan Calheiros (PMDB-AL) por quebra de decoro parlamentar. A decisão de Quintanilha foi tomada sem consultar os demais integrantes do conselho.

Se os demais integrantes do conselho reclamarem da decisão unilateral de Quintanilha, ele pode ser obrigado a recuar e consultá-los sobre o arquivamento. A oposição já cogita recorrer da decisão de Quintanilha.

"Foi uma coisa mal explicada e tem que ser cobrada no Conselho de Ética. Pode não ter argumento para a condenação. Mas o arquivamento sem o aval do plenário, não aceitaremos", disse o líder do DEM no Senado, José Agripino Maia (RN).

No entanto, os demais senadores estão mais preocupados agora com a escolha de um novo presidente para a Casa --já que Renan renunciou ontem ao cargo-- e com a votação da CPMF.

No quarto processo, Renan era acusado de integrar um suposto esquema de desvio de dinheiro em ministérios controlados pelo PMDB --que seria coordenado pelo lobista Luiz Cláudio Garcia, pai de uma funcionária de Renan.

No quinto processo, ele era acusado de espionagem contra os senadores Demóstenes Torres (DEM-GO) e Marconi Perillo (PSDB-GO). Quintanilha nem chegou a designar um relator para o caso. Ele considerou as denúncias "frágeis" e "inconsistentes" para a instalação oficial de um processo --que exigiria a designação de um relator.

A decisão de Quintanilha foi tomada depois do relator do quarto processo, o senador Almeida Lima (PMDB-SE), encaminhar na quinta-feira passada um parecer pedindo o arquivamento da representação contra Renan com o argumento jurídico da "inépcia" (inexistência) de fatos da acusação. "Eu citei uma farta jurisprudência de que não precisa passar pelo plenário. Foi uma manobra jurídica muito bem feita. É o exercício da consciência jurídica", afirmou ontem.

Hoje, Almeida Lima comemorou a decisão de Quintanilha. "Essas questões todas do Renan já deviam estar no arquivo morto há muito tempo."

O arquivamento do quarto processo ocorre um dia depois de o plenário do Senado absolver Renan no julgamento do segundo caso --no qual era acusado de usar laranjas para comprar um grupo de comunicação em Alagoas. Um pouco antes do julgamento, Renan anunciou que renunciava ao cargo de presidente do Senado.

Outros processos

A Mesa Diretora do Senado também deve arquivar um sexto processo contra Renan, no qual é acusado de apresentar uma emenda que permitiu o repasse de R$ 280 mil para uma empresa fantasma.

O comando do Senado decidiu sobrestar (adiar) a decisão sobre o envio do sexto processo ao conselho até que os demais casos contra Renan fossem julgados pelo órgão.

A Folha Online apurou que, se as demais representações contra o peemedebista forem arquivadas, a Mesa Diretora deve também suspender as investigações do sexto processo.

Acompanhe as notícias em seu celular: digite wap.folha.com.br

Comentários dos leitores
Marcelo Moreto (248) 01/02/2010 18h27
Marcelo Moreto (248) 01/02/2010 18h27
E o pior de tudo é que se juntarmos todos eles ainda estaria longe de se formar uma pessoa digna. sem opinião
avalie fechar
Wilson Carvalho (32) 19/10/2009 16h30
Wilson Carvalho (32) 19/10/2009 16h30
Nós aqui do POVÃO tambe´m temos nossos cinco candidatos a presiência..
1) O Coveiro do Cemitério Araça (adora enterrar o povão na lama)
2) O mendigo que mora debaixo da ponte (tá cheio de atanto "papelão")
3) Meu cachorro Rex (Late mas não morde)
4) Minha sogra (vai com Deus...não aceito devoluções)
5) O Papagaio Louro de meu vizinho (fala...fala mas nem sabe o que tá falando)
Mas se faltar mais um suplente...Nós aqui temos a solução.
Vamos contratar todosos nossos parentes para "nos dar uma forcinha"...De quebra cadaum devolverá 30% de seus vencimentos brutos em espécia....
Isso sim que é política...
M-A-R-A-V-I-L-H-A
sem opinião
avalie fechar
Wilson Carvalho (32) 16/08/2009 16h53
Wilson Carvalho (32) 16/08/2009 16h53
Vote nulo...ou melhor...nem compareça as urnas....
Perder tempo com estes canalhas????
Nunca mais!
Prefiro uma revolução ARMADA!
2 opiniões
avalie fechar
Comente esta reportagem Veja todos os comentários (2197)
Termos e condições
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página