Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
30/01/2007 - 07h50

Windows Vista chega hoje às prateleiras inspirado na concorrência

Publicidade

da Folha Online

O novo sistema operacional da Microsoft, o Windows Vista, chega nesta terça-feira (30) às prateleiras de todo o mundo. O lançamento marca uma guinada nos recursos gráficos e na usabilidade do maior produto da empresa de Bill Gates. O Windows mudou sua interface de modo radical, mas não escondeu que se inspira (copia, no bom português) ferramentas de outros sistemas.

Divulgação
Empresa de Bill Gates aposta na interface arrojada de seu novo sistema operacional
Empresa de Bill Gates aposta na interface arrojada de seu novo sistema operacional
Caso da busca de arquivos no repaginado botão "Iniciar", bastante parecida com a do MAC OS X, sistema da Apple. Caso também das abas do navegador IE 7, à la FireFox.

O produto chega em seis edições diferentes. O visual arrojado está disponível apenas nas versões Home Premium, Business, Enterprise e Ultimate. As outras duas --Vista Home Basic e Vista Starter-- vêm parecidas com o XP. A interface do novo sistema operacional da Microsoft, batizada Aero, tem janelas translúcidas, movimentos esguios de pastas e uma roupagem que, claro, exigem bastante do computador.

O PC ideal para rodar o Vista precisa ser equipado com processador de 1 GHz, 1Gb de memória, uma placa de vídeo com 128 Mbytes e 15 Gbytes de espaço em disco. A outra opção é ter uma máquina classificada de "Windows Vista Capable": 512 Mbytes de memória, processador de 800 MHz e placa de vídeo compatível. Neste caso, esqueça a pirotecnia. Parte da proteção de dados, um dos pilares deste Vista, também não funciona para as versões mais baratas.

Segurança

Divulgação
Navegar de uma pasta para outra é um lazer à parte no novo Windows Vista, da Microsoft
Navegar de uma pasta para outra é um lazer à parte no novo Windows Vista, da Microsoft
Para se superar, o Windows Vista precisa ir além do rostinho bonito. O novo sistema operacional da Microsoft tem como maior desafio perder a pecha de plataforma pouco segura --herança de seus anteriores. O produto aposta em diversos aplicativos para barrar programas invasores e sites "malignos".

As novidades de segurança começam com o Windows Defender, que barra spyware. Há ainda o chamado "Bitlocker", que tenta garantir um alto nível de segurança aos dados de PCs móveis por meio de um sistema de criptografia do disco rígido.

Saindo da seara da proteção externa, o Vista oferece também vigilância interna. Não chega a ser novidade, mas o produto vai radicalizar a vigilância às crianças. Dá para programar em que sites, horários, programas e pastas elas podem ou não entrar.

Leia mais
  • Microsoft dá "banho de loja" no Windows Vista, mas exige PC turbinado
  • Confira os valores do novo Windows Vista e do Office 2007 no Brasil
  • PCs sofrem metamorfose para usar Windows Vista
  • Lucro da Microsoft cai 28% com atrasos no Vista e no Office
  • Microsoft vai vender Windows Vista pela internet

    Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre o Vista
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página