Saltar para o conteúdo principal Saltar para o menu
 
 

Lista de textos do jornal de hoje Navegue por editoria

Cotidiano

  • Tamanho da Letra  
  • Comunicar Erros  
  • Imprimir  

Jovem é morta com tiro no coração perto de universidade

Polícia acredita que Cláudia Roberta Machado Romão, 29, tenha se assustado durante uma tentativa de assalto

Crime ocorreu quando estudante estacionava o carro para assistir a aulas de pós-graduação na Unip do Tatuapé

JOSMAR JOZINO DO "AGORA" MARTHA ALVES DE SÃO PAULO

A estudante Cláudia Roberta Machado Romão, 29, foi morta anteontem à noite com um tiro no coração, em uma suposta tentativa de assalto, perto da Unip (Universidade Paulista) do Tatuapé (zona leste de São Paulo).

Uma secretária da unidade, que pediu para não ter o nome divulgado, disse que ela era casada e tinha iniciado o curso de MBA executivo em gestão administrativa no dia 19.

O corpo da estudante vai ser enterrado em Palmas (TO).

Segundo a Polícia Civil, ao menos três homens fugiram em um Peugeot 206 preto, sem levar nada da vítima. Peritos encontraram nos bolsos da calça da jovem um relógio e uma nota de R$ 100.

O crime aconteceu por volta das 19h30. Cláudia havia acabado de estacionar seu Chevrolet Agile na rua José Porfírio de Lima --outros estudantes costumam deixar os carros no local para ir à aula.

Dois homens desceram do Peugeot e se aproximaram do veículo. De acordo com a polícia, Cláudia assustou-se, acionou a buzina e tentou sair com o automóvel. Um dos assaltantes atirou nela. A bala acertou o ombro esquerdo e transfixou o coração.

MARCHA ENGATADA

Policiais militares foram chamados e encontraram o Agile com as portas e os vidros fechados, a marcha engatada e os faróis acesos.

Os PMs quebraram o vidro da janela e destravaram a porta do Agile, do lado do motorista. Uma enfermeira e outras duas pessoas os ajudaram a retirar a moça do carro.

Um médico dos bombeiros tentou reanimar Cláudia, mas ela já estava morta.

Câmeras de segurança filmaram a fuga dos criminosos.

O delegado Antônio de Olim disse que vai tentar localizar mais imagens de câmeras e analisar os registros de roubo de carro na região para verificar se alguma vítima pode ajudar a identificar os criminosos.

A polícia informou ter identificado ontem à tarde dois suspeitos e detido um homem para averiguação no Jardim dos Ipês, zona leste.

O caso ocorreu no mesmo dia em que a Secretaria de Segurança anunciou redução no número de latrocínios (roubo seguido de morte) em 8,33 %.


Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

TV LED TV LED Smart, HDMI, Full HD a partir de R$ 899,90

Geladeira Geladeira Side By Side, Duplex, Frost Free a partir de R$ 849,00

Home Theater | Tênis | Mais...

Voltar ao topo da página