Brasília recebe 8ª edição de Fórum Mundial da Água

Debates e eventos ocorrem desde este domingo até o próximo dia 23

Fabrício Lobel
São Paulo

Segundo dados da ONU, uma a cada sete pessoas no mundo tem que caminhar mais de 1 km para ter o mínimo de acesso à água para sobreviver durante um dia (20 litros). Enquanto isso, 2,4 bilhões de pessoas não têm instalações sanitárias adequadas e 1 bilhão ainda têm que defecar ao ar livre. 

No Brasil, o país da abundância das águas, são cada vez mais frequentes e severas as secas. Além disso, a desigualdade da distribuição desse recurso natural e os enormes gargalos no saneamento são barreiras ainda longe de serem transpostas.

Para discutir esses temas, a cidade de Brasília recebe até o dia 23 a 8ª edição do Fórum Mundial da Água, na mesma semana em que se comemora o dia mundial da água, na quinta-feira (22). O principal objetivo do encontro é sensibilizar os políticos das necessidades do setor. Leia abaixo dados sobre o acesso à água e ao saneamento no Brasil e no mundo.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.