Descrição de chapéu Saúde responde

O que fazer quando a barriga fica estufada depois de comer muito?

Hidratação, um chá e ir com calma na comida no dia seguinte podem ajudar

São Paulo

É um clássico natalino e de final de ano: se jogar na comida durante a ceia de Natal ou Ano-Novo e, imediatamente e até no dia seguinte, sentir a barriga estufada e a vontade de só ficar deitado.

Infelizmente, não tem uma solução mágica para resolver essa sensação incômoda —duvide quando algum problema de saúde tiver resposta milagrosa. 

Para se sentir melhor, a solução é apostar numa alimentação mais leve no dia seguinte, recheada de saladas e frutas e com pouca proteína e carboidratos.

Chás também podem dar uma mãozinha, mas nada que seja imediato, diz Daniela Cierro Ros, vice-presidente da Asbran (Associação Brasileira de Nutrição). 

“Tudo faz parte de um equilíbrio. Se você faz cocô todo dia, se está bem hidratado e eliminando o xixi normalmente, tudo isso contribui. De um dia para o outro é melhor não se pesar e depois falar que ganhou peso porque comeu muito”, diz Ros.

Segundo a especialista, se você come grandes quantidades de sódio e açúcar, por exemplo, é normal sentir a sensação de estar estufado em seguida. O mesmo vale para bebidas alcoólicas.

A sensação, contudo, é em grande parte traduzida em inchaço, não necessariamente em peso.

Essa preocupação com o peso é outro ponto quase tradicional dessa época do ano e com a qual devemos ter cuidado, segundo Ros.

A especialista diz que não se deve praticar o “terrorismo” alimentar nas festas de fim de ano. Isso quer dizer que não é necessário deixar de comer as comidas típicas, servidas apenas nesta época, e que o fato de estar comendo a mais nesses dias específicos não significa sair da dieta cotidiana. “Dá para passar comendo de tudo um pouco”, diz. 

Uma das dicas é fazer um único prato e colocar um pouco de cada alimento —comer alimentos com as mãos pode ajudar a perder a noção do quanto foi consumido, então cuidado.

Outra dica é se manter sempre bem hidratado. Ros diz que consumir a quantidade certa de líquidos inclusive faz com que se sinta menos fome. 

E exercício físico, sempre. 

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.