São Paulo perde nos pênaltis e está eliminado da Copa Sul-Americana

Time vence Colón no tempo normal, mas Bruno Alves desperdiça penalidade

São Paulo

Com um time misto, o São Paulo perdeu nos pênaltis para o Colón, da Argentina, por 5 a 3, depois de vencer no tempo normal por 1 a 0, e deu adeus a chance do bicampeonato da Sul-Americana.

O adversário do time argentino nas oitavas será o Junior Barranquilla (COL).

O único pênalti desperdiçado foi o do zagueiro Bruno Alves, que chutou no meio do gol para a defesa do goleiro Burián.

O técnico Diego Aguirre, do São Paulo, durante a partida na Argentina
O técnico Diego Aguirre, do São Paulo, durante a partida na Argentina - Marcelo Manera/AFP

A equipe são-paulina precisava vencer por pelo menos dois gols, já que perdeu a partida de ida, em casa, por 1 a 0. Como devolveu o placar simples, o jogo foi para os pênaltis.

O volante Liziero fez o único gol do confronto, aos 26 min do segundo tempo.

Agora, o foco total do São Paulo é no Brasileiro, competição que lidera com 38 pontos, um a mais do que o vice-líder Flamengo.

O clube tricolor esquece o torneio que venceu em 2012 —seu último título conquistado— e se prepara para enfrentar a Chapecoense no domingo (19), às 19h, no Morumbi, pela 19ª rodada do Nacional.

Claramente priorizando o Brasileiro, o técnico Diego Aguirre decidiu poupar alguns titulares para o confronto na Argentina.

O principal desfalque da equipe foi Diego Souza, poupado, segundo o treinador, devido à sequência de jogos do time. Em seu lugar jogou o uruguaio Gonzalo Carneiro, que fez sua estreia como titular.

O goleiro Sidão, o zagueiro Arboleda, o lateral direito Bruno Peres ,o volante Jucilei e o meia-atacante Éverton, titulares do time, iniciaram a partida no banco.

Desde o início do jogo, o São Paulo buscou o resultado. No primeiro tempo quase abriu o placar em falta cobrada por Nenê, que bateu no travessão.

No segundo tempo, com a entrada de Éverton, o time pressionou mais. O jogador quase fez de cobertura.

O gol são-paulino foi uma pintura. Liziero acertou chute indefensável de fora da área. O volante ainda se lesionou e teve que permanecer em campo, já que Aguirre havia feito três substituições.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.