Santos tem 17 casos de Covid-19 no futebol masculino e 22 no feminino

Clube vive surto da doença, e números aumentaram após testes nesta terça (10)

São Paulo

​O Santos divulgou nesta terça-feira (10) que registrou 13 novos casos de Covid-19 em seu departamento de futebol masculino –sete jogadores e seis membros da comissão técnica. No total, já são 17 os afastados.

Em nota, o clube explica que os atletas Jobson, Alex, Jean Mota, Vladimir, Diego Pituca, Alison e Sandry tiveram seus testes com resultado positivo para o coronavírus. Eles estão isolados e aos cuidados do departamento médico do clube.

Na segunda-feira (9), Lucas Veríssimo, Madson e João Paulo também receberam diagnóstico de Covid-19. O próximo jogo da equipe será contra o Internacional, sábado (14), na Vila Belmiro, às 16h30, pelo Campeonato Brasileiro.

O elenco alvinegro iniciaria a preparação para essa partida nesta terça, mas teve de adiar por causa do surto. O clube não descarta a possibilidade de pedir uma mudança de data do confronto com os gaúchos. O Santos vai fazer novos testes com o elenco na quinta-feira (12).

O técnico Cuca também está em recuperação por ter contraído a doença anteriormente. Ele não vem comandando as atividades diárias do time e esteve ausente no último jogo pelo Nacional, contra o Red Bull Bragantino.

Na ocasião, o Santos foi comandado pelo auxiliar Cuquinha, outro infectado de acordo com os exames desta terça. Além dele, o também auxiliar Eudes Pedro está entre os membros da comissão técnica contaminados.

Desde o início do Brasileiro, o time alvinegro havia tido apenas dois casos de infecção –Kaio Jorge e Raniel.

Felipe Jonatan faz teste de Covid-19 dentro do carro no estacionamento do CT do Santos
Felipe Jonatan faz teste de Covid-19 dentro do carro no estacionamento do CT do Santos - Ivan Storti - 10.nov.20/Santos FC

O elenco feminino do Santos também convive com um surto de Covid-19. O clube já havia informado 17 casos, sendo 14 jogadoras e três membros da comissão técnica. Nesta terça, esses números subiram para 17 e cinco, respectivamente (22 no total).

Além do grupo de contaminadas, outras cinco jogadoras estão machucadas e uma está em fase final de gravidez. Com isso, apenas sete estão disponíveis para o duelo contra o São José, nesta quarta-feira (11), pelo Campeonato Paulista, às 15h.​

O gerente de futebol feminino do clube, Alessandro Rodrigues, vai solicitar o adiamento do jogo.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.