Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
18/09/2007 - 09h55

Falta às aulas levou ao corte de 4.076 cartões do Bolsa Família

Publicidade

da Folha de S.Paulo, em Brasília

Por falharem reiteradamente na exigência de os filhos em idade escolar não faltarem a mais do que 15% das aulas, 4.076 famílias terão cartões do Bolsa Família cancelados neste mês.

A folha de benefícios de setembro do Bolsa Família tem o primeiro cancelamento em massa decorrente do descumprimento de condicionalidades. Até agora, apenas 11 benefícios haviam sido cortados por esse motivo.

Criado há quase quatro anos, o programa não consegue acompanhar integralmente a freqüência às aulas dos filhos até 15 anos, e aos postos de saúde, por gestantes e crianças até seis anos. O acompanhamento da freqüência escolar feito em maio e abril alcançou 68,9% dos alunos beneficiários.

De 10,3 mil crianças e jovens acompanhados, 97,3 % cumpriram a exigência de assistir a ao menos 85% das aulas ou tiveram faltas justificadas, informa a pasta de Desenvolvimento Social. O cancelamento significa que famílias deixaram de cumprir exigências por cinco rodadas consecutivas de avaliação.

Acompanhe as notícias em seu celular: digite wap.folha.com.br

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página