Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
09/06/2006 - 18h17

Prefeito de cidade do interior é encontrado morto em São Paulo

Publicidade

da Folha Online

O prefeito de Monte Alto (353 km a noroeste de São Paulo), Gilberto Morgado (PT-SP), foi encontrado morto na tarde desta sexta-feira em um flat na avenida Rebouças (zona oeste de São Paulo). Aparentemente, segundo a polícia, o prefeito caiu do apartamento onde estava, no 23º andar, na área da piscina do prédio.

Divulgação
O prefeito Gilberto Morgado (PT-SP). Polícia tem indícios de suicídio
O prefeito Gilberto Morgado (PT-SP). Polícia tem indícios de suicídio
A Prefeitura de Monte Alto teria recebido propina da empresa Leão Leão, que venceu licitação para recolher o lixo da cidade na gestão de Aparecido Donizete Sartor (PSDB), anterior à de Morgado.

Na época, Morgado era vereador e chegou a denunciar fraude na licitação à delegacia seccional de Sertãozinho (335 km a noroeste de São Paulo) em 2004.

De acordo com a assessoria da Prefeitura de Monte Alto, Morgado não renovou o contrato com a Leão Leão e promoveu nova licitação, vencida por outra empresa.

Conhecido como "máfia do lixo", o esquema de fraudes de licitações em prefeituras da região de Ribeirão Preto (314 km a norte de São Paulo) veio à tona durante as investigações da CPI dos Bingos. O esquema usaria bingos para lavar dinheiro obtido com as fraudes.

Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre a Leão Leão
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página