Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
19/01/2001 - 15h32

Município escolhe nova imagem para o ET de Varginha

Publicidade

Divulgação

MÁRIO TONOCCHI
da Folha Online, em Campinas

Varginha, no sul de Minas Gerais, definiu hoje a nova imagem do ET de Varginha que vai representar a cidade em todos eventos oficiais, indicações, festas e símbolos vinculados à cidade.

A imagem foi escolhida em um concurso promovido pela prefeitura local. O vencedor foi o morador da cidade Flávio Henrique de Oliveira Matos, 20, que pretende estudar história em quadrinhos.

"Desenhei um ET levando em conta todas as características da nossa terra, com o triângulo de Minas Gerais e um ramo de café, nossa maior riqueza na região, ao centro", disse o vencedor.

A nave espacial do ET, segundo Flávio, deveria ficar parecida com um queijo, outro símbolo de Minas Gerais.

"Acho que não deu muito certo. Não ficou muito parecido com um queijo, devia ter desenhado um queijo cortado ao meio, mas mesmo assim acho que ficou bom", esclarece o artista.

Flávio pretende seguir carreira na produção de histórias em quadrinhos. "Acabo de terminar o segundo grau e agora pretendo seguir para Campinas (interior de São Paulo) para estudar desenho", afirmou.

O concurso para a escolha da nova imagem do ET de Varginha recebeu 64 inscrições de desenhistas profissionais e amadores que enviaram 104 imagens.

Disputa

A criação de uma nova imagem que represente oficialmente a cidade de Varginha ainda gera polêmica na cidade entre a atual administração petista e a Associação Comercial, Industrial, Agropecuária e de Serviços de Varginha.

O presidente da Associação Omar Lúcio Nunes, 49, não quer que a nova imagem substitua a imagem que a Associação possui e está registrada junto com o nome ET de Varginha, no INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial).

O secretário de Turismo, Sebastião Mendonça, 43, não abre mão da nova imagem. Para o secretário a imagem da Associação Comercial não tem apelo para chamar a atenção para a cidade pois, segundo ele, a prefeitura quer "um garoto propaganda da cidade mais simpático".

O presidente da Associação Comercial afirma que vai entrar na Justiça se a prefeitura transformar a nova imagem em oficial da cidade. O secretário diz que vai utilizar a imagem e que se o caso for parar na Justiça a nova imagem passará a se chamar "ET Varginhense".

Visita

Na madrugada de 20 de janeiro de 1996 os trabalhadores rurais Oralina Augusta e Eurico Rodrigues, de uma fazenda na estrada que liga Varginha à Três Corações, viram um objeto cinza sobrevoando o pasto lentamente, a pouco mais de cinco metros do chão.

Na manhã desse mesmo dia as amigas Liliane, Valquíria e Kátia encontraram o extraterrestre com três saliências na cabeça e pele viscosa e olhos vermelhos em um terreno baldio no bairro Jardim Andere.

Momentos antes, pedreiros que estavam trabalhando em uma construção da cidade observaram quando carros do exército passaram pela cidade.

Os extraterrestres teriam sido resgatados por militares e levados primeiro para a Escola de Sargentos das Armas de Três Corações e depois para dois laboratórios secretos instalados nos subterrâneos da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas).

Depois de três meses de investigações e comparações os ufólogos afirmaram que não têm dúvidas de que ocorreu em Varginha uma complexa operação envolvendo autoridades militares e civis, resultando na captura dos ET's.

A universidade nega que esses laboratórios existam. O exército de Minas Gerais informa que jamais resgatou extraterrestres em Varginha.
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página