Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
02/09/2002 - 20h14

Dirigível começa a patrulhar o Rio de Janeiro na quinta-feira

da Folha Online

A Secretaria de Segurança Pública do Rio de Janeiro vai iniciar a patrulha por um dirigível na próxima quinta-feira. O programa "Um Olho no Céu" vai monitorar toda a cidade, principalmente os 380 pontos críticos já mapeados pela Secretaria de Segurança.

O dirigível foi usado na guerra da Bósnia e voará 16 horas por dia. Por ele, serão captadas imagens com alta qualidade tanto de dia como de noite com câmeras especiais de grande resolução.

Além disso, será equipado com aparelhos de transmissão de imagens por microondas e sensores de radiação infravermelha, para registrar e enviar mensagens em tempo real.

As imagens captadas serão remetidas imediatamente para uma central de comunicações que vai funcionar no prédio da Secretaria de Segurança, no centro da cidade.

O dirigível, com todo o equipamento de sensores de câmeras, custará R$ 580 mil por mês.

Segundo o secretário Roberto Aguiar, o dirigível poderá ser também usado tanto para os serviços prestados pela Defesa Civil, como a identificação de acidentes e incêndios, como por pesquisadores.
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página