Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
26/04/2003 - 19h07

Rhodia diz não ser responsável por nova área contaminada em SP

da Folha de S.Paulo, em Campinas

A Rhodia informou não ser responsável pela área na fazenda Saltinho, onde admitiu ter depositado e tratado efluentes industriais.

Segundo o diretor de comunicação da empresa, Eduardo Octaviano, a área foi vendida para a Usina União São Paulo em 95.

De acordo com a Rhodia, a área abrigava seis tanques de decantação de uma estação de tratamento de efluentes e era monitorada pela empresa até 1990, época em que a Agroquímica Rafard foi desativada.

Para a Rhodia, a contaminação na fazenda Saltinho ainda não foi confirmada. Só depois dessa análise é que a empresa poderá se manifestar sobre o assunto.

A empresa informou que só tem duas áreas em Rafard: a antiga planta da Agroquímica Rafard e o sítio São Bernardo, local que afirma ter descontaminado.
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página