Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
05/02/2001 - 08h02

Juniores marcam primeiros gols como profissionais do São Paulo

Publicidade

SILVIO NAVARRO
da Folha Online

Os juniores Cacá, 18, e Renatinho, 19, marcaram hoje seus primeiros gols como profissionais do São Paulo, na vitória por 4 a 2 no clássico estadual contra o Santos, ontem, no estádio do Morumbi, pelo Campeonato Paulista.

Cacá foi o autor do segundo gol são-paulino e Renatinho do terceiro.

"Foi muito gratificante porque a torcida nos apoiou", disse o meia Cacá.

Os dois jogadores atribuíram o sucesso obtido na vitória de ontem ao entrosamento adquirido nas categorias de base do clube.

"Estamos juntos há quase seis anos", afirmou Cacá.

Renatinho, que substituiu o atacante França, suspenso, no jogo de hoje, afirmou que espera repetir o sucesso e conquistar uma vaga entre os titulares do São Paulo.

"O primeiro gol como profissional é importante, mas quero fazer muitos outros porque fiz muitos nos juniores", disse.

O atacante fez questão de elogiar o apoio que recebeu dos jogadores mais experientes do elenco.

"Se não fosse a ajuda dos mais velhos, não iríamos suportar a pressão do Santos no segundo tempo."

Renatinho disse ainda que recebeu orientações do zagueiro Rogério Pinheiro, nos vestiários, antes do início do segundo tempo.

"O Rogério (Pinheiro) falou para mim: joga aquilo que você fez nos juniores, que nenhum zagueiro consegue te parar", afirmou.

O fato do São Paulo ter contratado o atacante Fabiano, ex-Ponte Preta, que estava no Rennes, da França, não assusta a revelação são-paulina.

"Se fizermos gols e trouxermos vitórias, a torcida não vai pedir contratações", disse Renatinho.
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página