Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
04/09/2002 - 22h28

São Paulo perde e reabilita o Cruzeiro no Brasileiro

Publicidade

da Folha Online

O São Paulo perdeu hoje pela segunda vez no Campeonato Brasileiro, reabilitou o Cruzeiro e pode perder a liderança da competição amanhã.

O time do Morumbi caiu diante do Cruzeiro no estádio Independência, por 3 a 1. Marcelo Ramos, Luisão e Fábio Júnior marcaram os gols dos mineiros, e Luis Fabiano descontou para os paulistas.

Com o resultado, o São Paulo segue com 16 pontos, ao lado do Atlético-PR, mas pode perder a ponta da tabela para o Juventude, que também tem 16, e joga amanhã com o Bahia. Já o Cruzeiro avança e passa a somar 10.

A equipe de Oswaldo de Oliveira volta a jogar no sábado, contra o São Caetano, na cidade do ABC. Os mineiros folgam no final de semana.

Para a partida de sábado, o São Paulo estará desfalcado do lateral Jorginho Paulista e do atacante Luis Fabiano, que cumprirão suspensão por terem recebido o terceiro cartão amarelo.

Na noite de hoje, o "novo São Paulo" sofreu de um velho problema, que aterrorizou o time nos últimos anos: a vulnerabilidade de sua defesa no jogo aéreo.

Foi assim que o Cruzeiro de Wanderley Luxemburgo abriu o placar, aos 25min. Maicom cruzou da direita na área para Marcelo Ramos, que entrou nas costas da zaga, completar de cabeça.

Depois do gol, o São Paulo tentou reagir, mas errou nas finalizações.

Na etapa final, os mineiros voltaram dispostos a explorar a mesma deficiência do rival. E, logo aos 3min, Jorge Wagner cobrou escanteio pela direita, e Luisão sobiu mais que a zaga para marcar de cabeça na segunda trave.

O gol sacudiu o time do Morumbi, que conseguiu o empate quatro minutos depois, mas o juiz Antônio Pereira da Silva anulou o gol, alegando que a bola pegou na mão de Reinaldo antes de Luis Fabiano marcar.

Aos 15min, Oliveira trocou os dois laterais, sacando Gabriel e Gustavo Nery para a entrada de Rafael e Jorginho, respectivamente.

As mudanças deram mais movimentação ao time. Aos 28min, o São Paulo descontou: Ricardinho lançou Leandro -que substituiu Fábio Simplício-, que recebeu na direita, invadiu a área e chutou rasteiro, cruzado, para Luis Fabiano, completar.

Mas enquanto os são-paulinos buscavam o empate, o Cruzeiro matou o jogo, aos 40min. Alessandro lançou Fábio Júnior na direita, que ganhou na velocidade de Régis e tocou por cobertura de Roger.

CRUZEIRO
Gomes (Alexandre); Maicon, Luizão, Cris e Leandro; Augusto Recife, Fernando Miguel, Vander (Wendel) e Jorge Wagner; Marcelo Ramos (Alessandro) e Fábio Júnior
Técnico: Wanderley Luxemburgo

SÃO PAULO
Roger; Gabriel (Rafael), Jean, Régis e Jorginho Paulista (Gustavo Nery); Fábio Simplício (Leandro), Maldonado, Ricardinho e Kaká; Reinaldo e Luís Fabiano
Técnico: Oswaldo de Oliveira

Local: estádio Independência, em Belo Horizonte
Juiz: Antônio Pereira da Silva (GO)
Cartões amarelos: Luizão, Fernando Miguel (C), Rafael, Régis, Jorginho, Ricardinho, Luís Fabiano (S)
Gols: Marcelo Ramos, aos 24min do primeiro tempo; Luizão, aos 3min, Luís Fabiano, aos 27min, e Fábio Júnior, aos 40min do segundo tempo
Renda e público: não divulgados

Leia mais: Campeonato Brasileiro
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página