Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
09/04/2003 - 23h40

Santos perde em Belém e continua sem vencer no Brasileiro-2003

da Folha Online

O Santos, atual campeão nacional, continua sem vencer no Campeonato Brasileiro de 2003. Hoje, no estádio Mangueirão, em Belém, a equipe do técnico Emerson Leão perdeu por 2 a 1 para o Paysandu.

Nos dois jogos anteriores na competição, o Santos empatou com o Paraná (2 a 2) e com o Atlético-MG (0 a 0).

A partida teria um sabor de revanche para o Santos. No ano passado, no jogo contra o time paraense pelo Brasileiro, também no Mangueirão, os santistas foram derrotados por 2 a 1 e se envolveram numa confusão com a PM local: o zagueiro Preto foi agredido, e o técnico Emerson Leão recebeu de um policial um jato de spray nos olhos.

O bom toque de bola do Santos foi atrapalhado pelo péssimo estado do gramado do Mangueirão. Mesmo assim, o Santos encontrou espaço para criar jogadas perigosas.

Aos 38mim, Robinho pegou o rebote da defesa do Paysandu, recolheu a bola na esquerda e tocou sem chances de defesa para o goleiro Marcão, abrindo o placar.

O Santos não teve muito tempo para administrar o resultado. Logo aos 2min da etapa final, Robson ganhou a dividida com a defesa santista e chutou para o meio da área. Welber foi mais rápido do que a defesa do Santos e empatou.

Aproveitando o entusiasmo de sua torcida, o Paysandu pressionou em busca do empate, mas parava nas boas defesas do goleiro Fábio Costa.

Aos 31min, em um contra-ataque, Iarley se livrou da marcação de Paulo Almeida e lançou Welber, que chutou forte e garantiu a vitória do time paraense, que poderia ter ampliado o placar nos minutos finais.

O Santos volta a jogar no próximo sábado, contra o Figueirense, na Vila Belmiro. O Paysandu enfrentará o Corinthians, domingo, em São Paulo.

PAYSANDU
Marcão, Rodrigo (Gino), Jorginho, Sérgio e Luís Fernando; Sandro (Lecheva), Vânderson, Bruno e Iarley; Robson e Welber (Magnum)
Técnico: Darío Pereyra

SANTOS
Fábio Costa, Reginaldo Araújo (William), Alex, André Luís e Leo (Rubens Cardoso); Paulo Almeida, Renato, Diego e Elano (Fabiano); Robinho e Ricardo Oliveira
Técnico: Emerson Leão

Local: estádio Mangueirão, em Belém
Juiz: Luciano Augusto Almeida (DF)
Cartões amarelos:, Leo, Elano, Diego, Ricardo Oliveira, Sandro, Jorginho, Alex, Robson e Vânderson
Gols: Robinho, aos 38min do primeiro tempo; Welber, aos 2min e aos 31min da etapa final

Especial
  • Campeonato Brasileiro


  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página