Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
15/06/2003 - 17h56

São Caetano vence o Santos interrompe série de 5 triunfos do rival

da Folha Online

O São Caetano venceu o Santos por 1 a 0, neste domingo, na Vila Belmiro, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro, e quebrou uma sequência de cinco vitórias consecutivas da equipe de Emerson Leão na temporada 2003.

O gol da vitória do São Caetano foi marcado pelo atacante Marcinho, aos 35min do segundo tempo. Foi o primeiro resultado positivo da equipe de Mário Sérgio fora de casa no Nacional deste ano.

Se tivesse vencido o rival do ABC, a equipe do Litoral quebraria um tabu de 20 anos. Desde 1983 (ano em que foi finalista do Nacional), o atual campeão brasileiro não vence seis partidas seguidas.

Neste ano, desde a vitória em casa por 2 a 1 sobre o Internacional, o Santos só acumulava triunfos (1 a 0 no Cruz Azul, 3 a 2 no São Paulo, 1 a 0 no Independiente Medellín e 2 a 1 no Guarani).

Com o tropeço, o time de Emerson Leão segue com 24 pontos. O São Caetano, que perdeu apenas dois jogos na competição, subiu para 21 pontos e se aproximou do próprio Santos, que segue em segundo.

Na próxima quarta-feira, o Santos precisa de um empate contra o Independiente, em Medellín (Colômbia), para garantir presença na final da Libertadores da América. Os santistas foram campeões em 1962 e 1963.

SANTOS
Fábio Costa; Reginaldo Araújo (Douglas), Pereira, Alex e Léo; Paulo Almeida, Renato, Elano e Diego (Rubens Cardoso); Robinho (Nenê) e Fabiano.
Técnico: Emerson Leão

SÃO CAETANO
Sílvio Luiz; Dininho, Thiago e Gustavo; Marlon, Marco Aurélio, Fábio Santos (Zé Carlos), Capixaba e Ramalho; Marcinho e Matheus (Mineiro).
Técnico: Mário Sérgio

Local: estádio da Vila Belmiro, em Santos
Árbitro: Luís Marcelo Vincentim Cansiam (SP)
Cartões amarelos: Thiago, Dininho, Gustavo, Ramalho, Marco Aurélio, Fabiano e Paulo Almeida
Gol: Marcinho, aos 35min do segundo tempo

Especial
  • Campeonato Brasileiro
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página