Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
06/05/2004 - 01h44

Santos perde de virada e se complica na Libertadores

Publicidade

da Folha Online

Depois de um começo empolgante, com dois gols em apenas quatro minutos, o Santos não conseguiu segurar o resultado e perdeu por 4 a 2 para a LDU (Liga Deportiva Universitária), em Quito, no Equador, em jogo de ida das oitavas-de-final da Taça Libertadores, na madrugada desta quinta-feira.

O resultado deve aumentar a pressão dos torcedores santistas em relação ao trabalho do técnico Emerson Leão, duramente criticado após a derrota em casa para o Cruzeiro, por 3 a 1, na última rodada do Campeonato Brasileiro.

O Santos mostrou muita competência e oportunismo no começo da partida. Logo aos 2min, Robinho arriscou de fora da área e marcou um bonito gol. Dois minutos depois, Elano fez boa jogada individual e aumentou.

Depois da vantagem, o Santos recuou e deu espaço para o adversário. O meio-campista Paul Ambrosi diminuiu aos 18min. Apesar da pressão, a LDU não conseguiu chegar ao empate na etapa inicial.

O time equatoriano empatou aos 3min da etapa final, com Patrício Urrutia, aproveitando um passe de cabeça, completamente livre dentro da área.

Com apenas Robinho isolado no ataque, o Santos não teve força para pressionar o adversário, que chegou ao gol da virada aos 27min, novamente com Ambrosi, completando um cruzamento da direita. Aos 40min, Franklin Salas marcou de cabeça e assegurou a boa vantagem de sua equipe.

O jogo de volta será disputado na próxima terça-feira, na Vila Belmiro. Para ficar com a vaga evitando os pênaltis, o Santos precisa vencer por três gols de diferença.

Especial
  • Leia mais notícias no especial da Libertadores-2004
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página