Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
14/07/2005 - 23h43

Com título, Autuori se torna o 4º treinador brasileiro bicampeão da Libertadores

Publicidade

da Folha Online

Com a vitória do São Paulo sobre o Atlético-PR por 4 a 0, nesta quinta-feira, no estádio Morumbi, no jogo decisivo da Taça Libertadores-2005, o técnico Paulo Autuori entrou para o seleto grupo de técnicos brasileiros que conquistaram por duas vezes a competição sul-americana.

O são-paulino já havia conquistado o título em 1997, pelo Cruzeiro, quando venceu o Sporting Cristal, do Peru, por 1 a 0, no jogo decisivo da final, no Mineirão. O técnico do Atlético-PR, Antônio Lopes, já havia vencido o principal interclubes da América do Sul em 1998, no comando do Vasco, e também poderia ter conquistado o bicampeonato da competição.

Com a conquista de 2005, Autuori se iguala a Luiz Felipe Scolari (1995 e 1999), Lula (1962 e 1963) e Telê Santana (1992 e 1993), os outros treinadores do país que ganharam por duas vezes a Libertadores.

Autuori conseguiu também repetir o feito de Scolari, único até então a ser campeão por dois times diferentes --Grêmio (95) e Palmeiras (99). Lula triunfou as duas vezes com o Santos, e Telê, com o São Paulo.

O técnico Paulo Autuori passou a dirigir a equipe paulista com a Taça Libertadores da América já em andamento. Ele assumiu o São Paulo na última rodada da primeira fase. Ele foi contratado para o lugar de Emerson Leão, que tinha ido para o futebol japonês.

Especial
  • Saiba o que já foi publicado sobre o São Paulo
  • Leia o que já foi publicado sobre o Atlético-PR
  • Leia mais notícias no especial da Libertadores-2005
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página