Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
17/06/2006 - 13h20

Para Lula, Bussunda era "símbolo da irreverência brasileira"

Publicidade

da Folha Online

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva divulgou nota oficial lamentando a morte de Bussunda, 43, chamado de "um grande artista, jovem símbolo da criatividade e irreverência brasileiras". No programa "Casseta & Planeta" (Globo), ele parodiava o presidente.

Segundo a mensagem, Lula recebeu a notícia com "espanto e pesar" e prestou solidariedade aos familiares e amigos do humorista.

Divulgação
Foto de Bussunda sem sorriso, meio sério, era rara. Só quando parodiava presidente Lula
Foto de Bussunda sem sorriso, meio sério, era rara. Só quando parodiava presidente Lula
"Deixo o meu profundo sentimento de solidariedade e desejo-lhes toda força e paz necessárias neste momento de tristeza", diz a nota.

Bussunda morreu hoje de manhã na cidade de Parsdorf, a 16 km de Munique (Alemanha), onde estava cobrindo a Copa do Mundo para o programa. Ele sofreu um ataque cardíaco na manhã de hoje e, apesar de socorrido por paramédicos, morreu no hotel Erb Best Western, onde estava hospedado.

O humorista começou a passar mal ontem à noite, depois de uma partida de futebol com companheiros da equipe e hóspedes do hotel. Ao acordar, hoje de manhã, Bussunda ainda se sentia mal e foi atendido por paramédicos que se encontravam no hotel. Durante o atendimento, o humorista sofreu um ataque cardíaco e morreu às 8h30 (hora da Alemanha, 3h30 da madrugada em Brasília).

Leia a íntegra da nota.

"Foi com espanto e pesar que recebi a notícia da morte do humorista Bussunda. Ele era um grande artista, jovem símbolo da criatividade e irreverência brasileiras. A seus familiares, amigos e colegas de trabalho, deixo o meu profundo sentimento de solidariedade e desejo-lhes toda força e paz necessárias neste momento de tristeza."

Leia mais
  • Bussunda morre aos 43 na Alemanha
  • Morte de Bussunda é um "tsunami", diz "Casseta"
  • Kibe Loco usa paródias para homenagear Bussunda
  • Análise: Sem Bussunda, "Casseta" revive drama de "Os Trapalhões"

    Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre Bussunda
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página