Governo anuncia série sobre 'bela e grandiosa' história do Brasil com Mario Frias

'A verdade é que somos um povo heroico', diz o secretário especial da Cultura, que parafraseia hino nacional

São Paulo

O governo deu início a uma campanha nas redes sociais chamada “Um Povo Heroico”, que explorará “verdadeiros líderes, respeitados intelectuais e grandes heróis nacionais”, conforme a descrição que acompanha o vídeo de anúncio no perfil oficial @SecomVc.

O vídeo foi publicado na noite desta quinta (3) e é protagonizado por Mario Frias, secretário especial da Cultura.

Segundo o texto que o acompanha, a história do Brasil é “tão bela e grandiosa quanto desprezada e vilipendiada por anos de destruição da identidade nacional”.

Mario Frias, o secretário especial da Cultura do governo Bolsonaro, estrelou vídeo que anunciou a série 'Um Povo Heroico', voltada ao reconhecimento de grandes figuras nacionais, conhecidas ou anônimas - SecomVc/Twitter

As cenas foram gravadas no Museu do Senado, onde Frias interage com obras do acervo da casa legislativa, como o quadro “Ato de Assinatura do Projeto da 1ª Constituição”, de Gustavo Hastoy, e “Retrato do Rei Alberto da Bélgica”, do pintor belga Adrien Jean Madyol.

“Eu falo ‘a gente’ porque eu conheço a nossa gente e são essas pessoas que não fogem à luta e habitam todos os rincões do nosso país”, diz o secretário da Cultura, enquanto o vídeo o mostra olhando fixamente para um busto da princesa Isabel, escultura de Gilberto Mandarino.

As obras modernistas que compõem o acervo do Senado não aparecem no vídeo.

Um dos temas que também será explorado na campanha será a história dos pracinhas da Segunda Guerra, “que combateram a tirania do nazismo (maior mal do mundo moderno, ao lado do comunismo)”, segundo texto postado.

​De acordo com fontes dentro da secretaria, o vídeo é fruto de trabalho interno da Secretaria Especial da Cultura, mas também contou com esforços do Ministério das Comunicações, não tendo havido contratação de produtoras ou aluguel de equipamento de audiovisual.

O vídeo reúne elementos que lembram as produções da Brasil Paralelo, mas a produtora gaúcha afirma não ter nenhuma relação com a série.

Embalado por uma trilha sonora épica, Frias diz que “a verdade é que somos um povo heroico e encaramos com um brado retumbante o destino que nos encara”.

A música em questão se chama “Omega”, é de autoria do artista Scott Buckley e pode ser baixada gratuitamente. Em sites de trilhas sonoras grátis, ela vem com tags como “épico” e “sci-fi”. Sua licença Creative Commons permite que seja usada gratuitamente em outros projetos, desde que o autor seja creditado. O autor não é creditado no vídeo de Frias.

A secretaria não respondeu aos questionamentos da reportagem até a publicação desta reportagem. A campanha deve se dar por meio de posts simples nas redes sociais, relembrando casos de pessoas que se sacrificaram de alguma forma, como a professora Heley de Abreu, de Janaúba, em Minas Gerais, que salvou crianças de um incêndio provocado por um funcionário de uma escola infantil.

Colaborou Marina Lourenço

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.