Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
05/05/2011 - 08h30

Chef indica tipos de facas que não podem faltar na cozinha

Publicidade

JEANINE LEMOS
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA

Opções de materiais e formatos de facas de cozinha não faltam. Mas quais precisam ter lugar reservado na sua gaveta?

O chef Ivo Lopes, do restaurante Due Cuochi, explica as diferenças e aplicações de cada uma delas e indica as peças essenciais para não deixar nenhum ingrediente inteiro.

Alessandro Shinoda/Folhapress
Chef do Due Cuochi explica diferenças e indica tipos de faca essenciais
Chef do Due Cuochi explica diferenças e indica tipos de faca essenciais

*

KIT BÁSICO

Alessandro Shinoda/Folhapress
Do chef

DO CHEF

Serve para quase tudo. Pode ter de 8 a 12 polegadas. Quanto maior, melhor o rendimento do corte. Fatia com uma só passada e é a indicada para lidar com peças grandes de carne

Alessandro Shinoda/Folhapress
De legumes

DE LEGUMES

Pequena e no formato exato para descascar legumes rápido e com menor risco de se cortar. A lâmina curva ajuda a esculpir e tornear os vegetais

Alessandro Shinoda/Folhapress
Para fatiar

PARA FATIAR

A lâmina longa é eficiente para legumes e peças pequenas de carne, especialmente para conseguir fatias finas, tipo sashimi

Alessandro Shinoda/Folhapress
Para serrar

PARA SERRAR

A chamada 'faca de pão' é útil na cozinha e na mesa. Longa, faz fatias finas de frios em peça, como o presunto espanhol

Alessandro Shinoda/Folhapress
Para desossar

PARA DESOSSAR

A ponta fina alcança lugares de difícil acesso, facilitando o processo de desossa. Pode ser usada em legumes

*

NOVOS MATERIAIS

Alessandro Shinoda/Folhapress
Cerâmica

CERÂMICA

É leve e resistente. O fio da lâmina dura muito, mas, para afiar, é preciso encontrar um profissional especializado nesse material. Corta bem legumes, verduras e frutas, mas não é indicada para carnes mais densas

Alessandro Shinoda/Folhapress
Acrílico

ACRÍLICO

Indicada para cortar folhas e saladas, porque o material não oxida os alimentos. O fio, no entanto, não serviria para uma maçã, por exemplo. O uso é limitado, mas o preço não é alto. O modelo da foto custa R$ 16

Alessandro Shinoda/Folhapress
Aço com resina

AÇO COM RESINA

O revestimento de resina sobre o metal reduz o desgaste do fio e protege os alimentos contra a oxidação. Boa parte delas vem com capa protetora, o que ajuda a conservar a faca. Não exigem cuidados diferentes das tradicionais de aço inoxidável

Alessandro Shinoda/Folhapress
Aço inoxidável

AÇO INOXIDÁVEL

O material ainda é a melhor opção para quem busca durabilidade. O chef Ivo Lopes recomenda passar um pano com álcool depois de lavar. Prefira as com cabo de polipropileno com carbonato e antibacteriano

*

FACA AMOLADA

Para manter o fio da faca, o chefe Ivo Lopes recomenda o uso de pedras de cerâmica específicas. O melhor, segundo ele, é aprender a afiar em casa mesmo, porque nem todos os profissionais que fazem o serviço são bons e alguns podem até danificar a lâmina. A dica é passar a faca inclinada do lado em que se quer o fio cerca de 30 vezes na pedra. O outro lado deve ser passado reto dez vezes. Use bastante água, para que a faca deslize. Afie a lâmina de ponta a ponta e use a pedra em toda sua extensão

+ Livraria

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página