Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
17/10/2005 - 12h06

Estudante morre após ser baleado dentro de escola em São Paulo

Publicidade

da Folha Online

Um estudante de 15 anos morreu após ser baleado dentro da escola estadual Professora Marilena Piumbato Chaparro, em Pirituba (zona norte de São Paulo), na manhã desta segunda-feira. O tiro teria sido disparado acidentalmente, segundo a Polícia Civil.

O tiro foi disparado pela arma que um adolescente havia levado para mostrar aos amigos, segundo a Secretaria de Estado da Educação. O disparo ocorreu dentro da sala de aula da oitava série, onde os dois estudavam.



Informações preliminares apontam que a arma disparou antes de ser retirada da mochila do estudante, e o tiro atingiu a vítima nas costas.

O estudante foi levado pela Polícia Militar ao hospital Pirituba, mas não resistiu ao ferimento. De acordo com a polícia, dois revólveres calibre 38 foram apreendidos. Um deles tinha o número de identificação raspado.

De acordo com a secretaria, foi o primeiro caso deste tipo na escola.

Outro caso

No último dia 29, um garoto de 14 anos foi ferido com um tiro na cabeça em uma escola estadual localizada em Parelheiros, zona sul de São Paulo, mas acabou tendo morte cerebral quatro dias depois.

Segundo a polícia, o tiro também foi acidental.

Leia mais
  • Estudante da USP parou de tomar antidepressivos por conta própria
  • PMs acusados de matar dentista começam a ser julgados em SP
  • Quadrilha liberta 27 presos de cadeia do interior de SP
  • Presos promovem rebelião na Grande São Paulo

    Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre estudantes baleados em escolas
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página