Descrição de chapéu Há 50 anos

1970: Cessar-fogo é desrespeitado na Jordânia, e Sudão culpa rei Hussein

São Paulo

A guerra civil recomeçou na Jordânia menos de 24 horas depois de um acordo para o cessar-fogo ter sido feito.

A maioria dos países árabes culpou o rei jordaniano, Hussein, pelo reinício do conflito entre o Exército e os guerrilheiros palestinos.

O presidente do Sudão, Gaafar El-Numeiry, que comanda a missão árabe de pacificação, havia intermediado o acordo pela trégua.

"Estamos convencidos de que as autoridades jordanianas conspiram para liquidar o movimento de libertação palestino", declarou Numeiry.

O rei Hussein rebateu e também acusou o presidente do Sudão de "falsificar os fatos".

Primeira Página da Folha de 27 de setembro de 1970
Primeira Página da Folha de 27 de setembro de 1970 - Reprodução
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.