Descrição de chapéu polícia civil estupro

Consulesa francesa é estuprada no Carnaval em casa no litoral do RN

Casa em que vítima estava foi invadida por criminoso, na última terça (13)

DO UOL | UOL

Uma consulesa francesa que passava o Carnaval em Tibau do Sul, litoral sul do Rio Grande do Norte, foi estuprada, após a casa em que dormia ser invadida na madrugada da última terça-feira (13).

Praia de Timbau do Sul, no Rio Grande do Norte, onde ocorreu o crime
Praia de Timbau do Sul, no Rio Grande do Norte, onde ocorreu o crime - Roberto de Oliveira/Folhapress

Segundo a polícia, a consulesa estava passando o Carnaval com um casal de amigos e eles não ouviram quando o estuprador invadiu o imóvel, que fica na zona rural do município. O caso foi divulgado nesta sexta-feira (16) pela Polícia Civil do Rio Grande do Norte. Até agora, nenhum suspeito do crime foi identificado e preso.

Ela contou à polícia ter acordado com o homem jogando água sobre ela, em seguida, o estuprador a atacou. A consulesa estava dormindo em um quarto sozinha. 

O crime ocorreu por volta das 2h da madrugada. Após o estupro, ela e o casal de amigos foram à delegacia. A mulher se submeteu a exame de conjunção carnal no Instituto Técnico de Polícia Científica. A vítima recebeu atendimento médico e tomou coquetel de retrovirais em Natal.

"O local do crime também foi periciado e coletado material do criminoso. Encontramos pelos e impressões digitais que vão ajudar no confrontamento de DNA", disse o delegado de Tibau do Sul, Luciano Augusto Pereira.

A consulesa reside no Brasil e, segundo a polícia, ela já voltou para a cidade que mora. O nome e nem a cidade que ela reside foram informados para preservar a privacidade da vítima.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.