Dois ônibus são incendiados em Forquilha, no interior do Ceará

Na última semana, foram queimados 13 veículos em Fortaleza

Um dos ônibus queimados em Forquilha, no Ceará, neste domingo (5)
Um dos ônibus queimados em Forquilha, no Ceará, neste domingo (5) - Reprodução/TVM
São Paulo

Um homem foi preso por suspeita de encomendar ataques a dois ônibus na cidade de Forquilha, no interior do Ceará, na manhã deste domingo (5). O suspeito, investigado por homicídio, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo, foi capturado horas depois dos crimes, segundo a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) do Ceará.

O primeiro ônibus foi queimado em frente à Secretaria de Educação do município, por volta das 3h. Equipes da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros foram acionadas após um vigia do depósito da secretaria avisar do incêndio.

Por volta das 5h foi feito o segundo acionamento, na BR-222. Segundo testemunhas, duas pessoas chegaram ao local em um carro e atearam fogo num ônibus. Não houve vítima nas ocorrências.

O homem preso neste domingo foi visto por testemunhas comprando gasolina em um posto e reconhecido por pessoas nos locais dos incêndios. Ele foi conduzido para a Delegacia Regional de Sobral —a Polícia Civil investiga agora a motivação dos crimes.

Na última semana de julho, a capital do estado, Fortaleza, enfrentou uma série de ataques a ônibus: entre os dias 27, sexta, e 29, último domingo, 13 veículos foram incendiados.

Na ocasião, a SSPDS informou que o policiamento ostensivo seria reforçado na cidade e que as forças de segurança estavam trabalhando em parceria com a Etufor (Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza) e com o Sindiônibus (Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará) para garantir a circulação dos coletivos.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.