Descrição de chapéu Incêndio no CT do Flamengo

Dois sobreviventes do incêndio no CT do Fla já receberam alta

Jonatha Cruz Ventura com 30% do corpo queimado tem suspeita de infecção

Três jovens que estavam no alojamento do Flamengo conseguiram deixar o local com vida
Três jovens que estavam no alojamento do Flamengo conseguiram deixar o local com vida - Carl de Souza/AFP
Lucas Vettorazzo
São Paulo e Rio de Janeiro

Após ficar uma semana internado em razão do incêndio no Ninho do Urubu, o centro de treinamento do Flamengo, no último dia 8, o goleiro Francisco Dyogo, 15, recebeu alta nesta sexta-feira. 

Natural de Fortaleza, ele é o segundo dos três atletas que três atletas que escaparam com vida mas ficaram feridos no incêndio, que matou 10 jogadores da base do Flamengo.

O atleta Cauan Emanuel foi o primeiro que deixou o hospital. Ele recebeu alta ma última segunda-feira (11). Segundo o empresário do menino, Wanderlei Nogueira, agentes da Polícia Civil ouviram o depoimento do atleta no quarto do hospital. 

O único que continua internado é Jonatha Cruz Ventura, 15. De acordo com o último boletim médico, ele "encontra-se acordado e atendendo a comandos simples ao exame clínico. Ele permanece com máscara de oxigênio e hemodinamicamente estável".

Ele sofreu queimaduras de terceiro grau em cerca de 30% do corpo. "As queimaduras estão respondendo bem aos curativos, porém no dorso e no ombro direito apresentam sinais de possível infecção local e, como houve uma piora dos exames laboratoriais, optou-se por iniciar antibioticoterapia.
 
Ele continua internado no Centro de Tratamento de Queimados (CTQ) do Hospital Municipal Pedro II.

Cauan Emanuel, 14

Kauan joga nas categorias de base do Flamengo desde 2015
Kauan joga nas categorias de base do Flamengo desde 2015 - Arquivo pessoal/Facebook

Nascido em Fortaleza, joga nas categorias de base do Flamengo desde 2015. Segundo boletim médico divulgado pelo clube na tarde desta sexta (8), o meia-atacante está em situação estável, internado no Hospital Vitória. Apresenta algumas lesões nas vias aéreas, decorrentes da inalação de fumaça, e escoriações pelo corpo. Deve permanecer no hospital pelo menos até este sábado (9) na UTI.

Francisco Dyogo, 15

O goleiro Francisco Dyogo está há um ano nas categorias de base do Flamengo
O goleiro Francisco Dyogo está há um ano nas categorias de base do Flamengo - Reprodução

Assim como Kauan, é natural de Fortaleza. O goleiro está há um ano nas categorias de base do Flamengo. Segundo boletim médico divulgado pelo clube na tarde desta sexta (8), também se encontra em situação estável, internado no Hospital Vitória. Apresenta algumas lesões nas vias aéreas, decorrentes da inalação de fumaça, e escoriações. Continua internado na UTI.

Jhonata Ventura, 15

Jhonata é o ferido que apresenta quadro clínico mais grave
Jhonata é o ferido que apresenta quadro clínico mais grave - Reprodução

Zagueiro natural de Vila Velha (ES), é o ferido que apresenta quadro clínico mais grave. Está com queimaduras de terceiro grau em cerca de 30% do corpo. O fogo atingiu sua face, membros superiores e mãos. Com passagem pelas categorias de base do Palmeiras, o defensor está internado no hospital municipal Pedro 2º, sob os cuidados da equipe do Centro de Tratamento de Queimados​.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.