Descrição de chapéu Cinema

Tarantino diz que pretende escrever livro de 'Era uma Vez em... Hollywood'

'Bounty Law', série de faroeste fictícia do filme, também deve virar programa na vida real

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo | UOL

O diretor Quentin Tarantino afirmou que tem planos de escrever um livro a partir de seu último longa, "Era Uma Vez em... Hollywood", em entrevista ao podcast Pure Cinema publicada nesta quarta (1º).

Questionado se já tinha pensado em adaptar algum de seus filmes para a literatura, o cineasta respondeu: "Nunca havia considerado isso até recentemente, mas agora tenho pensado muito na possibilidade".

Com Leonardo DiCaprio, Brad Pitt e Margot Robbie no elenco, "Era Uma Vez em.. Hollywood" é o segundo filme de maior bilheteria da carreira de Tarantino, tendo faturado US$ 374 milhões no mundo todo. Só fica atrás de "Django Livre", de 2012.

No filme, Leonardo DiCaprio interpreta Rick Dalton, ator em crise com a carreira e estrela de uma série de faroeste chamada "Bounty Law".

Numa entrevista ao site especializado Deadline de janeiro deste ano, Tarantino afirmou que pretende transformar o programa numa série na vida real e dirigi-lo. Ele calculava demorar um ano e meio para pôr o projeto de pé.

A ideia, conta o diretor na entrevista, nasceu quando ele estava pesquisando séries de faroeste para o roteiro de "Era Uma Vez em... Hollywood".

"Acabei assistindo a muitas séries de meia hora, como 'Procurado Vivo ou Morto', 'O Homem do Rifle', 'Tales of Wells Fargo'", afirmou. "Você assiste àquilo e pensa, nossa, acontece muita coisa em 22 minutos. E pensei 'e se eu conseguisse fazer isso?'. Acabei escrevendo cinco episódios de meia hora."

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Leia tudo sobre o tema e siga:

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.