Após quatro anos, vendas de cimento devem voltar a subir em 2019, diz Snic

Em 2018, houve retração de 1,2% nas vendas; com queda de 0,2% somente em dezembro

São Paulo | Reuters

As vendas de cimento no Brasil devem voltar a crescer em 2019 após quatro anos consecutivos de queda, disse nesta terça-feira o SNIC (Sindicato Nacional da Indústria do Cimento), destacando a melhora da confiança em diversos setores da economia.

A entidade projeta aumento próximo a 3% nas vendas do material em 2019, levando em consideração o impacto positivo da aprovação da nova regra de distrato de imóveis na indústria de construção civil.

A nova lei, sancionada pelo ex-presidente Michel Temer, eleva a multa para quem desiste da compra do imóvel na planta. 

No ano passado, houve retração de 1,2% nas vendas sobre 2017, para 52,7 milhões de toneladas.

Considerando apenas dezembro, as vendas caíram 0,2%, para 4 milhões de toneladas, na comparação anual.

000
Apartamento é reformado na zona sul de São Paulo - Erick Diniz/ Folhapress
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.