Descrição de chapéu tiktok tecnologia

TikTok muda regras de uso para menores de idade para aumentar privacidade

Contas de usuários de 13 a 15 anos não poderão mais ser públicas

São Paulo

Uma das redes sociais mais populares entre os jovens, o TikTok amanheceu nesta quarta-feira (13) com novas regras de privacidade, com o objetivo de aumentar a segurança para os menores de idade que utilizam a plataforma.

A partir de agora, todas as contas de usuários que tenham de 13 a 15 anos serão privadas, o que significa que só poderão ser vistas por pessoas autorizadas. Além disso, o número de pessoas que podem comentar em vídeos de contas de pessoas com até 16 anos também será restrito apenas a amigos, e downloads de vídeos só serão permitidos para usuários acima dessa idade.

Outros pontos ainda serão permitido, porém não estarão nas configurações padrões, exigindo que os jovens optem pela mudança. É o caso da opção "sugerir a conta para outros usuários", que consiste em dar visibilidade aos vídeos da plataforma.

"Queremos que nossos criadores de conteúdo mais jovens sejam capazes de fazer escolhas informadas sobre o que e com quem desejam compartilhar, o que inclui decidir se desejam abrir suas contas para visualizações públicas", disse em um comunicado Tracy Elizabeth, líder global de Política de Segurança de Menores do TikTok.

Anteriormente, o TikTok já havia realizado mudanças para contas de menores de idade com o mesmo objetivo, como ao restringir o envio de mensagens diretas e a realização de lives para contas de menores de 16 anos, além de criar um recurso para que pais possam monitorar as contas dos filhos.

O aplicativo chinês que permite a criação de vídeos curtos foi destaque no ano passado ao somar milhões de usuários e ficar no centro de polêmicas. O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, quis banir o TikTok do país por suposto risco de ameaça à segurança nacional.

A plataforma soma hoje mais de 800 milhões de usuários, ficando atrás apenas do Instagram e Facebook.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.