Descrição de chapéu Há 50 anos

1970: Presidente da Bolívia faz crítica à OEA e defende neutralismo

São Paulo

O novo presidente da Bolívia, Juan José Torres, fez uma crítica velada a OEA (Organização dos Estados Americanos) em sua primeira entrevista coletiva à imprensa estrangeira.

“A OEA deveria transformar-se num instrumento de interpretação e solução definitiva dos problemas dos povos latino-americanos”, declarou.

Ele também defendeu o neutralismo no continente. Os EUA negaram a hipótese de intervenção militar na Bolívia ou em outro país da América Latina por causa de crises políticas locais.

Torres chegou ao poder depois da queda do então presidente, Alfredo Ovando Candia, e da luta entre militares.

Primeira Página da Folha de 11 de outubro de 1970
Primeira Página da Folha de 11 de outubro de 1970 - Reprodução

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.