Descrição de chapéu Há 50 anos

1970: Ataque cardíaco mata o presidente do Egito, Gamal Abdel Nasser

São Paulo

O presidente do Egito, Gamal Abdel Nasser, 52, morreu, vítima de colapso cardíaco agudo, nesta segunda-feira (28), em sua residência.

Ele passou mal ao voltar do aeroporto após se despedir do emir do Kuwait, Sabah al-Salim al-Sabah, com quem tinha tratado detalhes do acordo celebrado no domingo (27) entre chefes de Estado para o fim da guerra civil na Jordânia.

A notícia espalhou-se rapidamente pelo Oriente Médio causando comoção popular.

Em São Paulo, enquanto preces em sua memória eram rezadas na mesquita da avenida do Estado, alguns adversários de sua política manifestavam-se com fogos.

O vice Anuar El Sadat deverá assumir a chefia provisória República Árabe Unida. Em Israel, teme-se que a moderação da liderança nasserista desapareça.

Primeira Página da Folha de 29 de setembro de 1970
Primeira Página da Folha de 29 de setembro de 1970 - Reprodução
O presidente do Egito, Gamal Abdel Nasser (à dir.), recebe a visita do rei Hussein, da Jordânia, em 1957
O presidente do Egito, Gamal Abdel Nasser (à dir.), recebe a visita do rei Hussein, da Jordânia, em 1957 - AFP
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.