Descrição de chapéu Há 50 anos

1971: Governo uruguaio mantém decisão de não negociar com guerrilheiros

São Paulo

Apesar da troca no comando do Ministério do Interior do Uruguai, o governo do presidente Jorge Pacheco Areco ratificou a sua posição de não negociar com a guerrilha urbana Tupamaros.

Os guerrilheiros mantêm como reféns o cônsul brasileiro Aloysio Marés Dias Gomide, o agrônomo americano Claude Fly e o embaixador britânico Geoffrey Jackson.

Quem estava à frente do Ministério do Interior era o general Antonio Francese, que renunciou a pedido de Areco.

Primeira Página da Folha de 21 de janeiro de 1971
Primeira Página da Folha de 21 de janeiro de 1971 - Reprodução

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.