Descrição de chapéu Rio de Janeiro

Professor é hostilizado e agredido dentro de sala de aula no Rio de Janeiro

Vídeo mostra alunos vandalizando prova e jogando uma pochete na direção do docente

Fernando Molina
São Paulo

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra um professor sendo hostilizado, intimidado e agredido por alunos dentro de uma sala de aula do Centro Integrado de Educação Pública (Ciep) Mestre Marçal, instituição municipal de Rio das Ostras, no Rio de Janeiro.

O vídeo foi feito durante uma prova de português e nem mesmo a atividade escapa de ser vandalizada pelos alunos. Um deles escreve palavrões na folha de prova, xinga o docente várias vezes e chega a amassar e morder o papel, com risos ao fundo e alguém que diz "acabou a prova". Ao fim do vídeo, uma pochete é jogada na direção do professor, mas não chega a acertá-lo.

O docente então, pergunta se o jovem queria atingi-lo e tem a resposta positiva dele e do estudante que faz a filmagem, dizendo "espera aí, que agora vai acertar".

Em outro momento, um dos alunos chega a questionar o colega se ele vai mesmo "matar o professor", já que "ele é maneiro, te dá aula", enquanto o outro responde que ele "nunca mais vai dar". Nas imagens, também dá para ver quando um adolescente puxa a madeira do quadro da sala de aula, sendo chamado de "cupim" pelo colega. 

Após a divulgação do vídeo, um menino que alega ter sido o que jogou a pochete no docente pede desculpas e diz que "ninguém é perfeito". "Nenhum ser humano gosta de ser tratado assim, mas na hora do embalo acaba não pensando nas consequências", disse o jovem.

Em nota enviada ao UOL, a Secretaria de Educação, Esporte e Lazer de Rio das Ostras informou que o caso foi relatado na última terça-feira (18), junto a um requerimento do professor para ser remanejado de turma. Segundo o órgão municipal, o pedido foi atendido e foram colocadas à disposição orientação jurídica e apoio psicológico.

A secretaria informou ainda que, em relação aos alunos envolvidos no caso, foram tomadas "medidas disciplinares cabíveis, todas de acordo com a legislação federal e regimento escolar".

UOL
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.