Desabamento de hotel na China para quarentena de coronavírus tem 10 mortos

Cerca de 70 pessoas ficaram presas sob os escombros; 38 foram resgatadas com vida

Xangai (China) | Reuters e AFP

Um hotel usado para quarentena de pessoas com possíveis casos de coronavírus desabou na China, em Quanzhou, província de Fujian, e matou 10 pessoas, até o momento.

Outras 38 foram resgatadas e recebem cuidados médicos em hospitais. Estima-se que houvesse cerca de 70 pessoas dentro do prédio.

O hotel Xinjia desabou por volta das 19h30, em horário local. Com 80 quartos, o hotel foi transformado, recentemente, em um ponto de acolhida e de quarentena para pessoas que tiveram contato com pacientes com o covid-19, segundo informações da mídia estatal chinesa.

 
Hotel Xinjia, que desabou na China
Hotel Xinjia, que desabou na China - AFP

Até o momento não foi esclarecido o que motivou o colapso do prédio.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.