Atrações da Virada Cultural atraem público ao centro de São Paulo

Evento que voltou a se concentrar na região central teve shows de Caetano Veloso e filhos e de Priscilla alcântara

Zeca, Caetano, Moreno e Tom Veloso em show no palco do vale do Anhangabaú
Zeca, Caetano, Moreno e Tom Veloso em show no palco do vale do Anhangabaú - Zanone Fraissat/Folhapress
São Paulo

Após dois anos de mudanças no modelo da Virada Cultural, como espalhar os grandes shows por toda a cidade e parar a programação na madrugada, o evento voltou a concentrar seus palcos e principais atrações no centro da capital paulista. O público, ao menos no começo da noite deste sábado (18), voltou a comparecer.

Caetano e os filhos Moreno, Zeca e Tom Veloso começaram pontualmente às 21h, com a música “Alegria, Alegria”, seu show “Ofertório” no principal palco da edição deste ano, no vale do Anhangabaú, que havia sido inaugurado mais cedo pela dupla de música infantil Palavra Cantada, formada por Sandra Peres e Paulo Tatit.

Se ao cair da noite pais e filhos pequenos ocupavam a área para curtir o Palavra, mais tarde cerca de 100 mil pessoas, segundo a organização, lotaram o vale e seus arredores para ouvir os Veloso.

O palco da música cristã, instalado na praça da Sé também foi um sucesso. Gritos de “Espírito Santo”, um coverde “Shallow”, de Lady Gaga, e lágrimas marcaram o show de Priscilla Alcântara, o primeiro do local, às 18h, que reuniu cerca de 2.000 pessoas, incluindo a atriz Bruna Marquezine, que tirou selfies e interagiu com a plateia.

Problemas de som em outros palcos, porém, afetaram a pontualidade do evento. No palco dedicado ao samba, na avenida São João, o show de abertura, da cantora Teresa Cristina, atrasou uma hora e dez minutos. Quase o mesmo atraso teve a apresentação de Rincon Sapiência com ÀTTØØXXÁ na praça do Patriarca, no palco dedicado a parcerias.

A tarde de chuva e o frio da noite não afastaram o público que, encasacado e com cobertores, acompanhou sessão de cinema à beira da piscina no alto do prédio do Sesc 24 de Maio.

A banda Sepultura se apresentou no Sesc Interlagos, onde a lama se formou entre o público de cerca de 2.000 pessoas. O grupo de metal ainda se apresenta às 9h deste domingo no palco Rio Branco.

No Pateo do Collegio, a Orquestra Sinfônica Municipal e os coros Lírico e Infantojuvenil tocaram “Carmina Burana”, de Carl Orff, para um público confortavelmente sentado em cadeiras de plástico dispostas pela organização.

Ainda neste domingo, ao meio-dia , há shows de Anitta, no Anhangabaú, ed’ O Grande Encontro, na São João.

Anna Satie, Filipe Andretta, Giacomo Vincenzo, Laura Lewer, Lucas Brêda, Lucas Veloso, Priscila Gomes, Rebeca Oliveira e Wallace Leray

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.