Governo federal inclui Ceagesp em seu programa de desestatização

BNDES será responsável pelo processo, de acordo com decreto de Bolsonaro

Rio de Janeiro | Reuters

O governo federal incluiu a Ceagesp (Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo) no Programa Nacional de Desestatização, e designou o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) como responsável pelo processo, de acordo com decreto do presidente Jair Bolsonaro (PSL) publicado nesta segunda-feira no Diário Oficial da União.

A Ceagesp consta de um grande grupo de empresas estatais destinadas a serem privatizadas ou desestatizadas pelo governo.

Na semana passada, o secretário especial de Desestatização, Desinvestimento e Mercados do Ministério da Economia, Salim Mattar, informou que o governo já bateu a meta de 20 bilhões de dólares em privatizações e vendas de ativos em 2019, com 23,5 bilhões de dólares até setembro.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.