Desabamento de prédio deixa dez mortos em Xangai, na China

Local estava sendo reformado para se tornar espaço dedicado à arte

Bombeiros trabalham no local do desmoronamento do prédio, em Xangai, China - Aly Song - 16.mai.2019/Reuters
Xangai | AFP

Dez pessoas morreram na quinta-feira (16) quando um prédio que estava sendo reformado no centro da cidade chinesa de Xangai desabou, anunciaram as autoridades municipais nesta sexta (17).

O acidente foi registrado em uma área do centro da capital econômica do gigante asiático, quando o teto de uma antiga concessionária de automóveis desabou, soterrando os operários que trabalhavam no local. 

Vinte e cinco pessoas foram retiradas dos escombros, das quais dez morreram, afirmou a prefeitura de Xangai.

Ao menos 60 socorristas foram enviados ao local e, no começo desta sexta-feira (17), os trabalhos de resgate estavam praticamente concluídos, segundo a imprensa local.

"Primeiro pensei que fosse uma explosão", contou um vizinho da área.

O prédio, que havia abrigado uma concessionária de automóveis da Mercedes-Benz, estava sendo reformado para se tornar um local dedicado à arte e à inovação, segundo a imprensa chinesa.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.