Descrição de chapéu Eleições EUA 2020

Bilionário Tom Steyer deixa corrida pela candidatura democrata para 2020

Ambientalista foi 3º colocado nas prévias da Carolina do Sul neste sábado (29)

Washington | Reuters

O ambientalista bilionário Tom Steyer, um crítico feroz do presidente Donald Trump, abandonou sua candidatura à indicação presidencial democrata para 2020 no sábado (29), depois de ficar em terceiro lugar nas primárias da Carolina do Sul.

Steyer desistiu da corrida no ponto mais alto de sua campanha, mas estava muito atrás do vencedor, Joe Biden, e do segundo colocado, Bernie Sanders.

Homem de terno gesticula durante debate
Tom Steyer durante debate democrata - Mike Blake/Reuters

"Honestamente, não vejo um caminho em que possa ganhar a presidência", disse Steyer a apoiadores na Carolina do Sul.

O ex-gerente de fundos de 62 anos de San Francisco se colocou como um intruso no mundo da política e investiu dinheiro em uma campanha contra o atual presidente dos EUA quando se juntou a duas dúzias de democratas que tentam impedir um segundo mandato ao republicano Trump.

Em janeiro, ele investiu US$ 64,7 milhões de sua própria fortuna na candidatura à indicação democrata, elevando seu total de gastos com campanhas para US$ 267 milhões.

Steyer acumula, segundo a revista Forbes, US$ 1,6 bilhão, depois de fundar a empresa de investimentos Farallon Capital Management em meados dos anos 1980 e ser sócio da companhia de private equity Hellman & Friedman, em San Francisco.

Ele tem sido uma força na arrecadação de fundos democratas na última década. Durante o ciclo eleitoral de 2018, ele foi o segundo maior doador a candidatos e causas democratas e progressistas, de acordo com o Center for Responsive Politics.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.