Bolsonaro e Haddad empatam entre mulheres, mas têm 20 pontos de distância entre homens

Candidatos estão com 42% contra 41% no voto feminino, e 55% contra 35% no masculino

Úrsula Passos
São Paulo

Se considerados todos os votos, Jair Bolsonaro (PSL) lidera com dez pontos de vantagem sobre Fernando Haddad (PT). Ele tem 48%, contra 38% do adversário. Entre os votos masculinos, porém, são 20 pontos de distância entre eles: o capitão tem 55% e o petista, 35%.

No voto feminino, que corresponde a 52,5% dos votos brasileiros, contudo, os candidatos estão empatados. Bolsonaro tem 42% dos votos das mulheres. Haddad tem 41%.

Como desde o começo das pesquisas eleitorais deste ano, as mulheres seguem mais indecisas. A dois dias do segundo turno, 8% delas dizem não saber em quem votar. Entre os homens, o índice é de 3%. Além disso, 10% das mulheres pretendem votar nulo ou branco —7% dos homens intentam o mesmo.

Protesto contra o candidato Jair Bolsonaro (PSL) na avenida Paulista, em São Paulo, no dia 20 de outubro - Nelson Antoine/Folhapress

Entre os homens, o capitão reformado perdeu três pontos desde a última pesquisa Datafolha, do dia 18 de outubro. Já o candidato petista subiu três pontos.

No voto feminino, o candidato do PSL caiu um ponto, de 43% para 42%, enquanto Haddad subiu dois, e passou de 39% para 41%. 

Os dois candidatos têm o mesmo índice de rejeição entre as mulheres, 48%. Entre os homens, Bolsonaro tem 39% de rejeição, e seu adversário, 57%.

Apoiadoras de Jair Bolsonaro em manifestação em Brasília, no dia 21 de outubro - Eraldo Peres/Associated Press

A pesquisa do Datafolha, contratada pela Folha de S.Paulo e pela TV Globo entrevistou 9.173 pessoas nos dias 24 e 25 de outubro de 2018, em 341 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos, e o nível de confiança, de 95%. ​

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.