Descrição de chapéu Governo Bolsonaro

Bolsonaro deixa Planalto a pé para ir a homenagem a humorista no Congresso

Câmara homenageou humorista Carlos Alberto de Nóbrega, de A Praça é Nossa

Brasília

Em uma visita surpresa, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) decidiu atravessar a pé a rua que separa o Palácio do Planalto do Congresso para comparecer uma sessão solene da Câmara em homenagem ao humorista Carlos Alberto de Nóbrega, apresentador do programa A Praça é Nossa, do SBT.

O compromisso não constava na agenda de Bolsonaro desta quarta-feira (29), que recebeu pela manhã deputados do partido Novo em um café no Planalto. Por volta de 9h30, o presidente deixou o Planalto e saiu à Esplanada ao lado de seguranças.

 
O presidente Jair Bolsonaro ao lado do humorista Carlos Alberto de Nóbrega, na Câmara
O presidente Jair Bolsonaro ao lado do humorista Carlos Alberto de Nóbrega, na Câmara - Renato Costa/FramePhoto/Folhapress

Bolsonaro e os ministros Onyx Lorenzoni (Casa Civil), Augusto Heleno (GSI) e Osmar Terra (Cidadania) compareceram à sessão da Câmara presidida pelo deputado Alexandre Frota (PSL-SP). O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), chegou quando a homenagem já estava em curso. 

"Agradeço a presença de todos aqui na Câmara dos Deputados. Principalmente ao deputado Alexandre Frota, que já leu o meu discurso. Mas principalmente ao homenageado, Carlos Alberto. Ao presidente Bolsonaro, por estar prestigiando mais uma vez a Câmara dos Deputados, com a sua presença fora da agenda, o que desorganiza a nossa agenda também. Eu estava com cinco reuniões, tive que vestir o terno e vir correndo”, afirmou Maia, ao chegar ao plenário.

Bolsonaro fez um breve discurso no plenário em homenagem a Carlos Alberto. Na terça-feira (28), ele recebeu o humorista em seu gabinete, no terceiro andar do Palácio do Planalto, e publicou vídeos e fotos ao lado dele nas redes sociais. 

"Um homem que leva alegria, justamente como seu pai [humorista Manuel de Nóbrega] levou no passado durante décadas para todos nós do Brasil", disse, ao comentar que era uma honra estar na cerimônia. "Sem humor, sem alegria, não tem-se razão de viver", disse Bolsonaro. 

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.