Governador da Bahia, do PT, 'investe' R$ 600 mil em shows para inaugurar teatro

Estado enfrenta queda na arrecadação e congelamento de salários de servidores

João Pedro Pitombo
Salvador

Enfrentando uma crise financeira, com queda na arrecadação e congelamento de salários de servidores, o governo da Bahia gastou R$ 600 mil com a contratação de artistas para a inauguração de um teatro em Itabuna, cidade do sul do estado, no último dia 26.

O governo Rui Costa (PT) pagou um cachê de R$ 250 mil por um show acústico da cantora Ivete Sangalo restrito a 600 convidados. No teatro, também houve uma apresentação da Orquestra Sinfônica da Bahia.

Assistiram à apresentação Costa e a primeira-dama, Aline Peixoto, além de secretários, parlamentares e autoridades locais.

Também foi contratada para a festa de inauguração a dupla sertaneja Simone e Simaria, que recebeu um cachê de R$ 350 mil. Essa apresentação, no entanto, aconteceu em um palco aberto ao público, montado do lado de fora do teatro. ​

O governador da Bahia, Rui Costa, está entre as cantoras Simone e Simaria. Ele veste terno e as cantoras estão com microfones nas mãos.
Governador da Bahia subiu ao palco durante o show de Simone e Simaria para cumprimentar o público - Governo da Bahia/Divulgação

O governador subiu ao palco durante o show de Simone e Simaria, de braços dados com as cantoras, e cumprimentou o público. Nos bastidores, tirou fotos com a cantora Ivete Sangalo.

No dia seguinte, a banda Chiclete com Banana tocou no mesmo palco, com um cachê de R$ 70 mil pago pelo governo do estado. Desta vez, porém, o motivo do show foi a comemoração dos 109 anos de emancipação da cidade de Itabuna

 

Em nota, o governo da Bahia informou que a contratação dos artistas para a inauguração do teatro teve como objetivo potencializar a divulgação da entrega do novo equipamento.

“Garantir a divulgação do teatro em nível nacional é fundamental para atrair a realização de shows e espetáculos das mais diversas linguagens artísticas no local. Desta forma, o equipamento público vai assegurar a geração de emprego e renda para a região”, informou.

Questionado sobre o fato de o governador ter subido ao palco ao lado das cantoras Simone e Simaria, o governo informou que sua presença se deu como “representante do Governo do Estado da Bahia”.

Procuradas, as assessorias da cantora Ivete Sangalo e da dupla Simone e Simaria não se pronunciaram sobre a contratação.

As obras do Teatro Municipal Candinha Dória, tocadas pela Prefeitura de Itabuna, chegaram a ficar uma década paralisadas por falta de recursos, mas foram concluídas após um convênio com o governo do estado, que repassou R$ 30 milhões para a conclusão.

Esta não é primeira vez que a gestão Rui Costa gasta recursos públicos com a contratação de artistas populares para a inauguração de obras na Bahia.

No ano passado, o governo contratou bandas como Aviões do Forró e artistas como o cantor Luan Santana para a inauguração de policlínicas de saúde em cidades do interior do estado.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.