Saiba quem são os pré-candidatos à Prefeitura de Belo Horizonte em 2024

Fuad Noman tenta a reeleição e deve enfrentar secretária de Zema, deputado bolsonarista e senador

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Belo Horizonte

A disputa pela Prefeitura de Belo Horizonte une o atual prefeito Fuad Noman (PSD), que tenta a reeleição, e outros dez candidatos, como uma secretária do governo Romeu Zema (Novo), deputado estadual apoiador de Jair Bolsonaro (PL), senador e deputados estaduais.

O Partido Novo pretende lançar para o comando da capital de Minas Gerais a secretária de Planejamento e Gestão, Luísa Barreto. "Temos a validação do governador, estamos trabalhando para a Luísa ser a candidata da direita liberal", diz o presidente do Novo em Belo Horizonte, Frederico Papatella.

Ex-tucana, Luísa, 39, é funcionária de carreira da secretaria e disputou o mesmo cargo em 2020, ficando em sétimo lugar, com pouco mais de 17 mil votos. Para efeito de comparação, o então prefeito Alexandre Kalil (PSD) foi reeleito com mais de 784 mil votos.

montagem com seis retratos de políticos, sendo uma mulher loira e demais homens
Nomes cotados como pré-candidatos à Prefeitura de Belo Horizonte: prefeito Fuad Noman, secretária estadual Luísa Barreto, Gabriel Azevedo, Pedro Aihara e Carlos Viana - Reprodução

O desafio de Zema é se provar como "puxador de votos". Em 2020, o Novo não elegeu nenhum prefeito no Estado. Em 2022, não elegeu nenhum deputado federal por Minas —tinha dois parlamentares— e viu a bancada estadual ser reduzida de 3 para 2 deputados. Procurado, o governador Romeu Zema não se manifestou.

O atual prefeito, Fuad Noman (PSD), 74, vai tentar a reeleição e conta com a força da máquina para reverter o suposto desconhecimento sobre o seu nome.

Eleito em 2020 como vice de Alexandre Kalil (PSD), Fuad se tornou prefeito quando o titular tentou o governo do estado em 2022. Kalil monopolizava as atenções na administração e o atual prefeito só apareceu quando assumiu o cargo.

"Quero construir com meus parceiros de partido um programa de governo que faça com que Belo Horizonte avance ainda mais", disse Fuad no lançamento da pré-candidatura à reeleição.

mulher loira sentada com terno branco e placa L.Barreto à frente dela
A pré-candidata à Prefeitura de Belo Horizonte, Luísa Barreto - barretoluisa no Instagram

No dia 8, o União Brasil anunciou apoio à reeleição do prefeito. Com isso, o vereador Álvaro Damião deve ser o indicado da legenda para ser o vice de Fuad.

O apoio da sigla foi costurado pelo presidente do Congresso Nacional, Rodrigo Pacheco (PSD-MG) e visa garantir tempo de TV para a chapa.

Já o deputado estadual Bruno Engler (PL), 26, pretende usar a imagem de Bolsonaro para conquistar a Prefeitura. O parlamentar disputou em 2020 e ficou em segundo lugar, com mais de 123 mil votos. Para efeito de comparação, Kalil foi reeleito com mais de 784 mil votos.

"Vamos arrastar multidões com Bolsonaro aqui. Quero ser um braço dele, para amplificar nossa influência", disse Engler em evento do PL no fim do mês passado. Ele pretende lançar seu nome com a presença do ex-presidente em breve.

homem de suspensórios com microfone de lapela à frente de homens que o aplaudem
Prefeito de Belo Horizonte Fuad Noman (PSD), que deve tentar a reeleição - Rodrigo Clemente/PBH

Pelo centro e direita, além de Noman, Barreto e Engler, são pré-candidatos o senador Carlos Viana (Podemos), o deputado federal Pedro Aihara (PRD), o presidente da Câmara Municipal, Gabriel Azevedo (MDB).

No campo da esquerda, o PT aposta no deputado federal Rogério Correia. A deputada federal Duda Salabert deve disputar pelo PDT e o ex-vice-governador Paulo Brant é o pré-candidato do PSB, além da deputada estadual Bella Gonçalves (PSOL).

Ainda, o deputado estadual Mauro Tramonte (Republicanos) confirmou a sua pré-candidatura na última semana.

Pré-candidatos à Prefeitura de Belo Horizonte

  • Bella Gonçalves (PSOL)
  • Bruno Engler (PL)
  • Carlos Viana (Podemos)
  • Duda Salabert (PDT)
  • Fuad Noman (PSD)
  • Gabriel Azevedo (MDB)
  • Luísa Barreto (Novo)
  • Mauro Tramonte (Republicanos)
  • Paulo Brant (PSB)
  • Pedro Aihara (PRD)

Calendário eleitoral

  • 06.abr: data-limite para o registro partidário
  • 20.jul a 05.ago: convenções
  • 15.ago: prazo para o registro de candidaturas
  • 30.ago a 03.out: propaganda eleitoral no rádio e na TV
  • 06.out: primeiro turno
  • 27.out: segundo turno
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Leia tudo sobre o tema e siga:

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.