Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
31/05/2011 - 12h58

Blatter muda discurso e admite incerteza na pirâmide da Fifa

Publicidade

RODRIGO MATTOS
ENVIADO ESPECIAL A ZURIQUE

O presidente da Fifa, Joseph Blatter, mencionou a crise da organização na abertura do Congresso da entidade, nesta terça-feira, e prometeu anunciar formas de combatê-la amanhã (quarta-feira). Dirigentes da entidade estão envolvidos em acusações de corrupção, como a compra de votos em eleição ou na escolha da Copa-2018 e 2022 e recebimentos de propinas.

Fabrice Coffrini/France Presse
Blatter arruma a gravata durante congresso da Fifa
Blatter arruma a gravata durante congresso da Fifa

"Pensei que vivíamos em um mundo de fair play. Infelizmente, não é o caso. Porque a nossa pirâmide da Fifa, a famosa pirâmide da Fifa, tem incertezas em sua base. Na abertura da agenda do congresso, vou falar a vocês sobre esses perigos e mostrar e saber como lutar contra o perigo para garantir que o nosso esporte faça seu papel de nos unir. Mas isso vou deixar para amanhã", discursou o dirigente.

Seu discurso muda o tom em relação ao de ontem quando negou a existência de qualquer crise na Fifa. Amanhã, Blatter será reeleito como candidato único, já que seu opositor Mohamed bin Hammam está suspenso por suspeita de comprar votos.

Hoje, Blatter recebeu aplausos discretos, longe da unanimidade habitual de encontros da entidade. Mas o show da Fifa continua, com malabaristas e dançarinos no palco no centro de convenções em Zurique.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página