Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
10/01/2008 - 19h58

Comando do Exército diz que militares terão aumento salarial

Publicidade

RENATA GIRALDI
da Folha Online, em Brasília

Depois de o ministro Paulo Bernardo (Planejamento) reiterar que os reajustes salariais para civis e militares estão suspensos, o Comando do Exército divulgou nesta quinta-feira nota informando que os aumentos estão mantidos. De acordo com o documento, a ordem foi confirmada hoje durante reunião o ministro Nelson Jobim (Defesa) e os três comandantes militares.

Porém, o documento não informa qual será o percentual de reajuste concedido para os militares. Segundo a nota, a definição depende das negociações em torno dos ajustes que serão feitos na proposta do Orçamento Geral da União para 2008.

Nesta quinta-feira, Bernardo voltou a dizer que os reajustes estão suspensos até que o equilíbrio seja alcançado. Não falou em prazos.

"Nós queremos retomar o diálogo com os servidores, mas eu preciso reequilibrar o orçamento, porque do contrário vai ser uma loucura. A saúde precisa de R$ 20 bilhões, nós precisamos resolver isso. Acho que qualquer pessoa no Brasil entende que isso é prioritário", disse o ministro.

No entanto, segundo os militares, o discurso durante a reunião com os três comandantes --Exército, Marinha e Aeronáutica-- foi exatamente o oposto. A nota oficial do Exército é assinada pelo comandante da Força, general Enzo Martins Peri.

A seguir, a íntegra da nota:

"Em reunião realizada nesta data com os comandantes das Forças Armadas, o ministro da Defesa informou sobre os despachos com o ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão e, posteriormente, com o presidente da República, ocasião em que ficou definido que: estão mantidos os entendimentos para o reajuste salarial dos militares, aguardando-se somente a recomposição da proposta orçamentária que deverá ocorrer em meados do próximo mês; e após a referida recomposição, serão definidas as condições para a concessão do reajuste.

General-de-Exército Enzo Martins Peri
Comandante do Exército"

Comentários dos leitores
Bolinha da Lulu (843) 31/01/2010 15h00
Bolinha da Lulu (843) 31/01/2010 15h00
pelos comentários tem muita gente que adora ser roubado. Creio que o melhor seria deixa-los na confluência das grandes avenidas no horário do "rush" com placas dizendo que querem ser assaltados para saber como é difícil ser achacado por um meliante no meio da rua ou dentro de sua casa no horário do jornal nacional por um político que se diz dos trabalhadores. Quem sabe após ser severamente espoliado de seus recursos e tiver que ir até um posto médico para receber atendimento, marcar a consulta para depois de 3 meses, ou se precisar de um aparelho para sua sobrevivência ter que esperar a burocracia determinar se ele realmente precisa, ou ainda estar em uma lista de espera para ser operado, mas como o responsável recebia propina para passar pacientes na frente se bloqueia tudo e se fica a míngua sem atendimento ou meios de conseguir o mesmo beneficio por não ter dinheiro.
É fácil falar aqui dos erros que ocorrem ou achar desculpas para as palhaçadas que fazem, mas nada disso mudará a realidade de um povo inculto, pobre, sem recursos e desamparado pelos político que estão lá apenas para deixarem de ser povo e poderem se tornar a elite privilegiada de poder ser tratada no Sírio Libanes ou no Albert Einstein, já o Incor ou o HC não é mais para as elites.
sem opinião
avalie fechar
Walmer Neves (20) 31/01/2010 02h12
Walmer Neves (20) 31/01/2010 02h12
Prezados,
Minha sugestão é de que o presidente tope o que a oposição quer.... o cumprimento do acordo que o PPS,DEMOS e PSDB impõe como condição para aprovar o orçamentoe e o marco regulatório do PRÉ-SAL.
Tipo:
Vamos fazer assim, OPOSIÇÃO: COLOCAREMOS O EVETO PARA APRECIAÇÃO DO CONGRESSO, MELHOR AINDA, VAMOS RETIRAR O VETO CONSTITUCIONAL.
MÁS !!!!! ... como contrapartida iremos medir os impactos economicos negativos para o GOV. e os impactos sociais para sociedade e veicularemos em mídia nacional.
TOPA... SEU RONALDO CAIADO!?!?
é só colocar o veto para apreciação no plenário do Congresso Nacional. Caso contrário, é obstrução total!", ameaçou Caiado no no twitter.
sem opinião
avalie fechar
alvaro luiz valim (18) 30/01/2010 20h25
alvaro luiz valim (18) 30/01/2010 20h25
280 milhoes por mes, 25000 desempregados, quem pagara a brincadeira, o TCU?, a midia? a opsiçao? 6 opiniões
avalie fechar
Comente esta reportagem Veja todos os comentários (1289)
Termos e condições
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Geladeiras Geladeiras Frost Free, Duplex, a partir de R$ 862,20

Notebook Notebook Trabalhe, estude, jogue, a partir de R$ 769,00

Celulares | Tênis | Mais...

Voltar ao topo da página