Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
06/10/2011 - 23h16

Deputado quer restabelecer prática de "arremesso de anões" na Flórida

Publicidade

DA EFE, EM MIAMI

Um deputado da Flórida apresentou nesta semana um projeto de lei para restabelecer a prática de "arremesso de anões" contra paredes em casas noturnas, informou nesta quinta-feira a edição online do jornal "The Palm Beach".

A iniciativa do congressista republicano Ritch Workman tem como objetivo criar oportunidades de trabalho para os anões por meio do que o jornal classifica como "primitivo e perigoso espetáculo de bar", que foi importado da Austrália, mas acabou proibido em 1989.

Workman disse que atua em uma "missão para detectar e destruir as restrições desnecessárias às liberdades do povo". "Este é um exemplo de um governo que age como o Big Brother", em referência ao personagem autoritário do livro "1984", de George Orwell.

"Nesta economia, ou em qualquer outra, por que queremos impedir as pessoas de conseguir empregos remunerados?", declarou o deputado. "Eu nunca obrigaria ninguém a aceitar este tipo de emprego, nem pagaria para vê-lo. Acho estúpido e repulsivo. Mas não cabe ao Estado impedir alguém que deseja fazê-lo".

O projeto foi repudiado pelo ex-presidente das Pessoas Pequenas dos Estados Unidos (Little People of America) Robert van Etten, para quem a Flórida daria um passo atrás se eliminar a proibição. "Isso é algo que mostra o pior de algumas pessoas", expressou.

David Dodge, diretor dessa organização na Flórida, advertiu que é "alta" a possibilidade de que as pessoas tenham problemas de paralisia por essa prática, considerada desumana pela entidade.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página