Aceleradora premia projetos de impacto em saúde com até R$ 150 mil

Foram quase 400 inscritos e apenas oito selecionados para o programa da Neo Acelera

Giovanna Reis
São Paulo

Oito projetos sociais da área da saúde foram selecionados para participar do programa de aceleração Neo Acelera até outubro. Entre 384 inscritos, foram escolhidos três negócios de São Paulo, três do Rio de Janeiro, um de Londrina (PR) e um de Campina Grande (PB).

O grupo passará por um programa de três meses de aceleração com encontros presencias de capacitação do empreendedor e do seu negócio, mentorias de profissionais do mercado e acompanhamento semanal da Yunus Corporate Social Innovation, apoiadora do projeto. Os empreendedores poderão receber um investimento de até R$ 150 mil para aumentar o impacto do negócio.

O primeiro encontro do projeto aconteceu nesta semana e reuniu representantes dos oito negócios selecionados
O primeiro encontro do projeto aconteceu nesta semana e reuniu representantes dos oito negócios selecionados - Vagner Medeiros/Divulgação

Criada pela Neo Química, uma das pioneiras no desenvolvimento de similares e genéricos no Brasil, a iniciativa visa promover o avanço da atenção primária à saúde no Brasil através do apoio a projetos empreendedores que geram impacto na comunidade em que atuam.

A aceleradora é a primeira de saúde com foco em inovação social e direcionada aos desafios da atenção primária, que envolvem cuidados integrados, acessíveis e baseados na comunidade. Trata-se de uma das dez prioridades da Organização Mundial da Saúde para 2019.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.