Vasco faz dois gols no 1º tempo e se classifica na Libertadores

Em São Januário, equipe carioca derrotou o Concepción (CHI) por 2 a 0 

O árbitro colombiano Jose Argote explusa Erazo, do Vasco, em São Januário
O árbitro colombiano Jose Argote explusa Erazo, do Vasco, em São Januário - Mauro Pimentel/AFP
DO UOL

O Vasco comprovou sua superioridade e voltou a vencer o Universidad de Concepción (CHI) nesta quarta-feira (7), em São Januário. Dessa vez, sem goleada, a equipe não teve dificuldade para fazer 2 a 0 ainda no primeiro tempo e ratificar a classificação para a terceira fase da Libertadores.

Agora, o Vasco espera o vencedor do duelo entre Jorge Wilstermann e Oriente Petroleiro, ambos da Bolívia. O primeiro venceu por 2 a 1 e encara o jogo da volta nesta quinta-feira. O duelo do Cruzmaltino será na quarta-feira de cinzas, na Bolívia.

Os jogadores do Vasco tiveram uma boa surpresa quando se preparavam para entrar em campo. É que a diretoria pagou o mês de dezembro e diminuiu a divida com os atletas, que ainda não receberam férias, décimo terceiro e janeiro. Um ânimo a mais para o elenco.

Um dos maiores ídolos do Vasco, Roberto Dinamite voltou a frequentar São Januário. Ele foi convidado pelo presidente Alexandre Campello, o que não ocorria há três anos. Curiosamente o período em que Eurico Miranda esteve a frente do clube.

Se na partida em Santiago o Vasco marcou gols no início do jogo, nesta quarta-feira, a história se repetiu. Jogando em casa e com vantagem de quatro gols, o Vasco foi para o ataque e precisou de apenas cinco minutos para abrir o placar. Wagner recebeu em profundidade e cruzou na medida para Paulinho escorar para o fundo das redes: 1 a 0.

Após sofrer gol de Paulinho, o Concecpción passou a pressionar os donos da casa. Em um bom chute de fora da área, Martin Silva defendeu parcialmente e teve que fazer defesa arrojada em seguida para evitar o gol de Santiago Silva.

A reação dos chilenos ficou apenas no ensaio. Aos 41 min, uma ducha de água fria nos planos dos visitantes e muita festa em São Januário. Autor do primeiro gol, Paulinho fez a de ponta e cruzou na medida para Pikachu escorar e ampliar o placar.

Com a classificação garantida, o Vasco ainda tentou o terceiro gol, mas sem a mesma intensidade do primeiro tempo. Assim, a etapa complementar foi de muitas disputas no meio de campo e sem tantas chances de gol. A vaga já estava no bolso.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.