São Paulo vence o Vasco no Morumbi e é o novo líder do Brasileiro

Com vitória por 2 a 1, equipe passou o Flamengo na tabela de classificação

São Paulo

O São Paulo venceu o Vasco por 2 a 1 neste domingo (5), no Morumbi, e assumiu a liderança do Campeonato Brasileiro.

A equipe paulista agora tem 35 pontos, um a mais que o Flamengo, que perdeu neste sábado (4) para o Grêmio por 2 a 0 em Porto Alegre e estacionou nos 34.

É a primeira vez em mais de três anos que o São Paulo fica na primeira posição do Brasileiro –a última fora na sétima rodada do torneio de 2015.

 
 
São-paulinos comemoram no Morumbi o primeiro gol do triunfo por 2 a 1 sobre o Vasco 
São-paulinos comemoram no Morumbi o primeiro gol do triunfo por 2 a 1 sobre o Vasco  - Paulo Whitaker/Reuters

O clube chegou a lutar contra o rebaixamento no ano passado. Terminou a competição em 13º, com 50 pontos. A esta altura em 2017 (17ª rodada), estava em 16º, apenas uma posição acima da zona de descenso.

O São Paulo chegou à vitória nesta tarde com gols de dois estrangeiros. Logo no primeiro minuto do jogo, o equatoriano João Rojas abriu o placar num lance de sorte.

Após cruzamento de Éder Militão pela direita, o zagueiro Ricardo tentou cortar, mas a bola bateu em Rojas e entrou. Foi seu primeiro gol pela equipe paulista.

O Vasco empatou no segundo tempo. Giovanni Augusto achou Yago Pikachu por trás da zaga são-paulina aos 9 minutos. Pikachu só teve o trabalho de bater na saída de Sidão.

O time carioca melhorou na partida após empatar e o São Paulo ficou desorganizado. Mesmo assim, em lance de insistência de Everton, que recuperou a bola da zaga vascaína antes de cruzar, o colombiano Santiago Trellez desviou de cabeça para dar a vitória, e a liderança, à equipe paulista.

O jogo também marcou a despedida de Éder Militão. Ele foi vendido ao Porto, de Portugal, por R$ 30 milhões.

O próximo jogo do São Paulo é contra o Sport, em Recife, no domingo (12), às 16h, pelo Brasileiro.

Já o Vasco, 12º no Brasileiro, tem compromisso pela Copa Sul-Americana na quinta (9), quando recebe em São Januário a LDU, do Equador, pelas oitavas de final. 

A partida de ida, em Quito, foi 3x1 para a LDU. Os cariocas precisam vencer por três gols de diferença para se classificarem sem a necessidade de pênaltis.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.