Descrição de chapéu Futebol Internacional

Futebol volta na Coreia do Sul com gol de 'Rei Leão' e celebração tímida

Aos 41 anos, Lee Dong-gook deu a vitória ao Jeonbuk Hyundai sobre o Suwon Samsung

São Paulo

Após semanas de preparação para a retomada o futebol no país, a Coreia do Sul assistiu à estreia de sua liga profissional, a K-League, nesta sexta-feira (8).

Com gol do veterano centroavante Lee Dong-gook, de 41 anos, o atual campeão nacional Jeonbuk Hyundai venceu o Suwon Samsung por 1 a 0 no estádio Jeonju, palco de três partidas da Copa do Mundo de 2002.

Apelidado de "Rei Leão", Lee Dong-gook, que teve passagens pelo futebol europeu com as camisas de Werder Bremen, na Alemanha, e Middlesbrough, na Inglaterra, saiu do banco de reservas para anotar, de cabeça, seu 225º gol na carreira.

O atacante, que estreou no futebol profissional em 1998, disputou 105 partidas pela seleção sul-coreana e esteve nos Mundiais de 1998 e 2010.

A comemoração do gol da vitória nesta sexta foi tímida. Diante da recomendação de evitarem abraços ou qualquer contato desnecessário nas celebrações, os companheiros do atacante apenas o cumprimentaram com um tapinha nas costas e se juntaram ao veterano no sinal de positivo que ele fez para as câmeras.

Segundo a agência AFP, trata-se de um gesto de agradecimento aos profissionais de saúde do país que estão trabalhando no combate à pandemia da Covid-19.

Antes da partida, disputada com portões fechados, jogadores das duas equipes evitaram os apertos de mão e se cumprimentaram tocando os punhos. No banco de reservas, atletas e membros das comissões técnicas utilizaram máscaras.

Para a retomada do futebol local, clubes e autoridades sul-coreanas elaboraram um protocolo para tentar evitar o contágio dos envolvidos nas partidas. Na chegada ao estádio, atletas, treinadores e demais profissionais passam por uma medição de temperatura. Se algum jogador for infectado, sua equipe e o time que a enfrentou ficarão isolados durante duas semanas.

Até esta quinta-feira (7), a Coreia do Sul tinha 10.822 casos confirmados do novo coronavírus, com 256 mortes decorrentes da doença.

O jogo desta sexta foi transmitido para 36 países depois que a K-League, se aproveitando da falta de futebol no mundo, fechou contrato com emissoras do exterior para a transmissão internacional da liga. Na temporada passada, apenas seis países, todos da Ásia, adquiriram os direitos de transmissão.

O Canal 11 de Portugal, por exemplo, exibiu a vitória do Jeonbuk, que é comandado pelo treinador português José Morais. A emissora também transmite para o país as partidas do Flamengo, comandado por Jorge Jesus.

A própria K-League também transmitiu o duelo, na íntegra, em seu perfil no Twitter.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.